Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/9125
Título: A voz das educadoras sobre a Educação Ambiental no jardim de infância: um Estudo de Caso
Autor: Rodrigues, Maria José
Castanheira, Manuel Luís Pinto
Palavras-chave: Educação ambiental
Educação pré-escolar
Atividades de educação ambiental
Data: 2012
Editora: Universidade Minho. Centro de Investigação em Educação
Citação: Rodrigues, Maria José; Castanheira, Manuel Luís Pinto (2012). A voz das educadoras sobre a Educação Ambiental no jardim de infância: um estudo de caso. In Dornelles, L.V.; Fernandes, N. (eds.) Perspectivas sociológicas e educacionais em estudos da criança: as marcas da dialogicidades luso-brasileiras. Braga: Universidade do Minho. Centro de Investigação em Educação. p. 511-525. ISBN 978-989-8525-22-2
Resumo: A Educação Ambiental assume grande importância nas sociedades atuais, porque se torna cada vez mais urgente formar cidadãos ambientalmente cultos, capazes de tomar decisões informadas, e que assumam assumindo uma corresponsabilidade social e ambiental. Esta educação deve iniciar-se nos primeiros anos, ou seja no Pré-Escolar. Assim, pretendemos, com este trabalho, mostrar a opinião de duas Educadoras de Infância do Distrito de Bragança (Norte de Portugal) face ao conceito de Educação Ambiental e às suas práticas didático-pedagógicas nesta área. O presente estudo caracteriza-se como investigação qualitativa e enquadra-se num estudo de caso, de natureza interpretativa. Utilizou-se para recolha de dados a entrevista semiestruturada. Pelos resultados obtidos verifica-se, que as educadoras consideraram que a Educação Ambiental não corresponde apenas à transmissão de conhecimentos mas também ao desenvolvimento de atitudes, valores e, consequentemente, comportamentos ambientalmente corretos. Relativamente às suas práticas didático-pedagógicas reconhecem que a Educação Ambiental deve ser trabalhada no jardim de infância e referem que desenvolvem algumas atividades nesse domínio, constatam, no entanto, que sentem alguma falta de formação didática e que sentem necessidade de conhecer novas estratégias e recursos mais inovadores. Concluímos que é necessário desenvolver esforços para que a Educação Ambiental seja, efetivamente, fortalecida na escola em geral e no contexto de jardim de infância em particular.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/9125
ISBN: 978-989-8537-02-7
Aparece nas colecções:CN - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A voz das educadoras.pdf720 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.