Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/9521
Título: Efeito protector da radiação γ nos níveis de vitamina E em Castanea sativa
Autor: Fernandes, Ângela
Barreira, João C.M.
Barros, Lillian
Antonio, Amilcar L.
Bento, Albino
Botelho, M. Luísa
Ferreira, Isabel C.F.R.
Data: 2011
Citação: Ferreira, Ângela; Barreira, João C.M.; Barros, Lillian; Antonio, Amilcar L.; Bento, Albino; Botelho, M. Luisa; Ferreira, Isabel C.F.R. (2011) - Efeito protector da radiação γ nos níveis de vitamina E em Castanea sativa. In V Jornadas de Análises Clínicas e Saúde Pública de Bragança.
Resumo: A vitamina E é o nome comum de um grupo de compostos que incluem tocoferóis e tocotrienóis. Estes compostos são antioxidantes lipofílicos com efeitos importantes no organismo nomeadamente, na prevenção do envelhecimento, no fortalecimento do sistema imunitário, na redução do risco de cancro e de infecções por HIV, ou até no tratamento da doença de Parkinson. Em particular, os tocoferóis podem contribuir para a diminuição dos efeitos adversos em doenças inflamatórias tais como artrite reumatóide ou hepatite [1-4]. O -tocoferol e o seu metabolito 2,7,8-trimetil-2-(β-carboxietil)-6-hidroxicromano provaram já ter actividade anti-inflamatória, constituindo alternativas promissoras aos fármacos utilizados como inibidores da ciclo-oxigenase (COX-2), uma enzima-chave em muitos processos inflamatórios. Da vitamina E presente na castanha (Castanea sativa), cerca de 95% está sob a forma de -tocoferol, podendo este fruto ser considerado um alimento funcional [5]. Neste estudo foi avaliado o efeito da radiação  na concentração de tocoferóis, analisados por cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC) acoplada a detecção por fluorescência. Verificou-se que a radiação exerceu um efeito protector nos níveis de -tocoferol, uma vez que nas amostras não irradiadas a concentração desta molécula diminui ao longo do tempo de armazenamento. A irradiação poderá ser uma alternativa promissora aos actuais tratamentos aplicados para o prolongamento do tempo de prateleira deste fruto, não afectando compostos de elevado valor nutracêutico como é o caso do -tocoferol aqui evidenciado.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/9521
Aparece nas colecções:CIMO - Resumos em Proceedings Não Indexados ao WoS/Scopus

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Poster Nac.56.pdf298,51 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.