Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Educação >
Teses de Mestrado >
EC - Ensino das Ciências >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/6864

Título: A utilização do Facebook como suporte à aprendizagem da biologia: estudo de caso numa turma do 12º ano
Autor: Minhoto, Paula
Orientador: Meirinhos, Manuel (Ori.)
Issue Date: 2012
Editora: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Educação
Citação: Minhoto, Paula Maria Lino Veigas (2012) - A utilização do Facebook como suporte à aprendizagem da biologia: estudo de caso numa turma do 12º ano. Bragança: Escola Superior de Educação. Dissertação de Mestrado em Ensino das Ciências
Resumo: A rentabilização das múltiplas potencialidades das ferramentas disponibilizadas pela Web 2.0 permite alterar substancialmente o paradigma do processo de ensino e aprendizagem que, de essencialmente transmissivo, pode passar a participativo, aumentando a envolvência dos alunos e atribuindo-lhes um papel fundamental na sua aprendizagem e na dos seus pares. A utilização dos serviços de redes sociais permite uma aprendizagem baseada em princípios socioconstrutivistas e conectivistas mostrando que as tecnologias de informação e comunicação podem ser usadas transversalmente em metodologias inovadoras rompendo, deste modo, com uma utilização onde surgem como instrumentos inovadores mas ao serviço de metodologias antigas. O estudo apresentado neste trabalho decorreu durante 10 semanas, numa turma de 15 alunos, na disciplina de Biologia, do 12º ano do curso Humanístico de Ciências e Tecnologias. Os alunos usaram várias ferramentas e aplicações do Facebook como apoio à operacionalização das unidades 1 e 2 e 3 do programa da disciplina. Foi criada uma página e um grupo no Facebook, à página foram adicionadas aplicações que permitiam o trabalho colaborativo. Os alunos usaram as ferramentas próprias do Facebook e as aplicações para desenvolver várias actividades. Os resultados foram recolhidos recorrendo aos registos dos serviços utilizados, a questionários, a um instrumento de quantificação da colaboração (Murphy, 2004) e a uma entrevista de grupo semi-estruturada. Foi feita uma análise de conteúdo e sociométrica às discussões dos fóruns e uma avaliação quantitativa do envolvimento dos alunos em várias actividades. De toda a análise foi possível concluir que o Facebook tem as ferramentas que permitem a interacção, a partilha e a colaboração e que os alunos, devido à familiaridade com o contexto, tiram partido destas potencialidades envolvendo-se activamente na construção do conhecimento. Foi também possível concluir que o professor continua a ter um papel fundamental na dinâmica da rede social, tal como no ensino presencial e que o elevado nível de envolvimento dos alunos tem reflexos no aumento das competências digitais e específicas do programa da disciplina. Profiting from the huge potential of the many tools provided by Web 2.0 allows us to substantially change the paradigm of teaching-learning process, which, from an essentially transmissive one, will develop into a participative, increasing students’ involvement and giving them a key role in their own learning and that of their peers. The use of Web 2.0 services allows a type of learning based on social-constructivist and connectivist principles showing that the information and communication technologies can be used as innovative methodologies across the curriculum, breaking with the common practice of using new technologies to serve old pedagogies. The study presented in this paper developed over 10 weeks, with a group of 15 12th-grade science students in the biology subject at Escola Secundária Abade de Baçal in Bragança. A Facebook page and group were created, and several applications were added to the page to allow collaborative work. Students used Facebook tools and the applications added to develop several activities. Wikis have also been developed and integrated in the Facebook work. The investigation took place according to the methodology of the case study. The results were collected using the electronic records of the services used, questionnaires, and a semi-structured group interview. The discussions in the forums were subjected to sociometric analysis as well as content analysis, using a tool that enabled the quantification of collaboration (Murphy, 2004) and a quantitative assessment of student involvement in various activities. From the analysis it was possible to conclude that Facebook has the tools that allow interaction, sharing and collaboration and that students, due to their familiarity with the context, take advantage of these possibilities by engaging actively in the construction of knowledge. It was also possible to conclude that the teacher still has a key role in the dynamics of such social network with the classroom teaching and that the high level of student involvement is reflected in increasing digital skills as well as the specific skills required by the syllabus.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/6864
Appears in Collections:EC - Ensino das Ciências

Files in This Item:

File Description SizeFormat
PaulaMinhoto_22696.pdf3,58 MBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia