Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Saúde >
Departamento de Ciências da Vida e Saúde Pública >
CVSP - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/5255

Título: Um perfil das crianças/adolescentes com obesidade num estudo de intervenção
Autor: Correia, Teresa
Lopes, Vítor P.
Vasques, Catarina
Palavras-chave: Obesidade
Doenças cardiovasculares
Factores de risco
Prevenção
Issue Date: 2008
Editora: Endocrinologia Diabetes & Obesidade
Citação: Correia, Teresa; Lopes, Vitor; Vasques, Catarina (2008) - Um perfil das crianças/adolescentes com obesidade num estudo de intervenção. In Endocrinologia Diabetes & Obesidade. Lisboa
Relatório da Série N.º: 2;
Resumo: Identificar um perfil dos factores de risco coronário numa amostra de crianças/adolescentes observados num estudo de intervenção na cidade de Bragança. Métodos: Foram estudadas 19 crianças com sobrepeso e obesidade entre os 6 e os 14 anos de idade visando a detecção dos níveis séricos de colesterol (CT), lipoproteínas de baixa densidade (LDL-C), alta densidade (HDL-C) e trigliceridios (TG). O sobrepeso e a obesidade foram determinados de acordo com os valores de corte IOTF para o IMC. Os valores de referência para os parâmetros laboratoriais foram seguidos os do National Cholesterol Education Program (NCEP). Obtida a autorização dos pais, por escrito, para a realização dos exames laboratoriais, foram convidados a levar os seus filhos a um laboratório, com o qual havia um protocolo de colaboração, onde deveriam deslocar-se da parte da manhã após um jejum de doze horas. Resultados: Do total, foram identificadas 47,4% crianças/adolescentes com sobrepeso e 52,6% com obesidade sendo a prevalência maior no sexo feminino. Aproximadamente 6% destas crianças/adolescentes ingerem apenas três ou menos refeições por dia, sendo que 16,6% apresenta uma ingestão calórica total diária superior a 2000 calorias. A hipertensão arterial sistólica verificou-se em 10,5% e a hipertensão arterial diastólica em 5,3% das crianças/adolescentes. Verificaram-se alterações nos valores de colesterol total limítrofes e aumentados, respectivamente em 26,3% e 21,1% destas crianças/ adolescentes. Em relação aos valores de LDL-C foram identificadas 31,3% e 18,8% das crianças/ adolescentes respectivamente com valores limítrofes e aumentados. Os valores não desejáveis de HDL-C foram analisados em 5,3% das crianças/adolescentes. A hipertrigliceridemia apresentou-se em 10,5% da amostra. Conclusões: A elevada prevalência de dislipidemia encontrada nesta população de crianças/adolescentes é preocupante e realça a necessidade de investigação epidemiológica nestes grupos etários no sentido de instituir medidas preventivas e estilos de vida saudáveis.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/5255
Appears in Collections:CVSP - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Um perfil das crianças e adolescentes com obesidade num estudo de intervenção..pdf127,52 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE