Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/16517
Título: Estilos de vida na Europa do Sul: Portugal
Autor: Guedes, Carla
Carneiro, Soraia
Suellen, Brito
Anes, Eugénia
Teixeira, Cristina
Palavras-chave: Estilos de Vida
Indicadores
Europa do Sul
Data: 2016
Editora: Instituto Politécnico de Bragança
Citação: Guedes, Carla; Carneiro, Soraia; Suellen, Brito; Anes, Eugénia; Teixeira, Cristina (2016) - Estilos de vida na Europa do Sul: Portugal. In I Congresso Nacional | I Encontro Nacional de Estudantes Ciências Biomédicas Laboratoriais. Bragança
Resumo: As doenças infetocontagiosas têm cedido lugar às crónico-degenerativas, associadas ao comportamento das pessoas. Associados a este novo perfil epidemiológico estão as mudanças das condições socioeconômicas e dos estilos de vida. Objetivo: Pretende-se analisar indicadores relativos aos estilos de vida na Europa do Sul em relação com à média da Região Europeia. Material e Métodos: Os dados foram selecionados a partir da base da OMS (WHO Regional Office for Europe), relativamente aos seguintes indicadores: percentagem de fumadores diários na população, com idade superior a 15 anos; a percentagem da prevalência de pessoas com 18 anos ou mais com sobrepeso; o consumo de álcool puro, litro per capita, com idade superior a 15 anos; acidentes de trânsito envolvendo álcool por 100000; primeiras admissões para os centros de tratamento de drogas por 100000 e o número médio de calorias disponíveis por pessoa por dia (Kcal). Na Europa do Sul foram selecionados os países Itália, Portugal, Espanha, Turquia e Grécia, no espaço temporal de 2000-2015. A colheita de dados foi efetuada em 2016. Resultados: Verificamos que o país com uma percentagem mais acentuada de fumadores diários na população, é a Grécia, muito acima da média da Região Europeia. No indicador de prevalência de pessoas com 18 anos ou mais com sobrepeso, o país mais preocupante é a Turquia. O parâmetro de Consumo de álcool puro, litro per capita, com idade superior a 15 anos é encabeçado por Portugal e com uma percentagem superior à média Europeia. Nos Acidentes de trânsito envolvendo álcool por 100000 é a Turquia que se destaca no período 2000-2004. No indicador das Primeiras admissões para os centros de tratamento de drogas por 100000, encontramos Portugal seguido da Itália e Espanha acima da média Europeia. Por último verificamos que o número médio de calorias disponíveis por pessoas por dia (Kcal) em todos os países está acima da Região Europeia, à exceção de Espanha a partir de 2004. Conclusão: Através dos dados recolhidos para Europa do sul podemos concluir que Portugal lidera nos indicadores consumo de álcool e admissões para os centros de tratamento de drogas. Relativamente ao consumo de tabaco é líder a Grécia. A maior prevalência de sobrepeso é encontrada na Turquia. E no que respeita à disponibilidade de calorias encontramos valores mais baixos em Espanha. É necessário ter uma atenção espacial na análise destes indicadores devido à falta de dados em determinados períodos. No entanto estes resultados mostram a necessidade de efetivas medidas preventivas nestas áreas para cada país.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/16517
Aparece nas colecções:ESSa - Posters em Encontros Científicos Nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
13 - POSTER - Estilos de vida na Europa do Sul. Portugal.pdf451,85 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.