Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Educação >
Departamento de Ciências do Desporto e Educação Física >
DCDEF - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/4034

Título: Análise longitudinal da performance em natação pura desportiva: abordagem exploratória
Autor: Costa, M.J.
Bragada, José A.
Marinho, D.A.
Reis, V.M.
Silva, A.J.
Barbosa, Tiago M.
Issue Date: 2009
Editora: Associação Portuguesa de Técnicos de Natação
Citação: Costa, M.J.; Bragada, José A.; Marinho, D.A.; Reis, V.M.; Silva, A.J.; Barbosa, Tiago M. (2009) - Análise longitudinal da performance em natação pura desportiva: abordagem exploratória. In Actas do 32º Congresso Técnico-Científico da Associação Portuguesa de Técnicos de Natação. Rio Maior: Associação Portuguesa de Técnicos de Natação. ISBN 978-989-962180-0-0
Resumo: O estudo teve como objectivo analisar a estabilidade da performance na prova de 400m livres ao longo da carreira desportiva. Foram analisados 45 nadadores masculinos, durante sete épocas consecutivas (desde a categoria de Infantil B até Sénior). A performance foi analisada com recurso ao melhor tempo em cada categoria na prova de 400m Livres em piscina curta. Foi efectuada a análise da estabilidade das médias, pela observação dos quartis ao longo da carreira desportiva, assim como a tendência central (média) e respectiva dispersão (um desvio-padrão). Foi ainda analisada a variação entre valores médios com recurso à ANOVA medidas repetidas e respectivo post-hoc teste (Bonferroni). Analisou-se ainda a estabilidade normativa pela auto-correlação entre as sete categorias (Pearson). Foi calculado o Kappa de Cohen (K) com um intervalo de confiança de 95%. Para todos os procedimentos estatísticos foi utilizado o programa informático SPSS 13,0 à excepção do K, o qual foi calculado através do programa estatístico Longitudinal Data Analysis. Foram verificadas diferenças significativas entre os valores médios de performance entre todas as categorias. Os valores de auto-correlação variaram entre o moderado e o elevado ao longo da carreira desportiva. Constata-se que na passagem de Juvenil B para A, a estabilidade torna-se elevada (>0,60). O valor de K, expressando a estabilidade ao longo de toda a carreira desportiva, é baixo (K = 0.327 ± 0,046). Em síntese, a predição do nível competitivo na categoria sénior com base na performance nas categorias de formação é reduzido. Todavia, a passagem de Juvenil B para A parece ser um momento marcante, onde a capacidade preditiva aumenta de forma acentuada.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/4034
ISBN: 978-989-962180-0-0
Appears in Collections:DCDEF - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Costa MJ.pdf199,95 kBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia