Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Educação >
Departamento de Supervisão da Prática Pedagógica, Educação Infantil e Professores 1º Ciclo >
DSPP - Posters em Encontros Científicos Internacionais >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/3838

Título: Das histórias às palavras, à estética e às artes
Autor: Pereira, Ana Maria
Mesquita, Elza
Prada, Filomena
Issue Date: 2008
Editora: Grupo de Estudos para o Desenvolvimento da Educação de Infância
Citação: Pereira, Ana Maria; Mesquita, Elza da Conceição; Prada, Filomena (2008) - Das histórias às palavras, à estética e às artes. In VIII Simpósio Internacional do GEDEI. Aveiro
Resumo: O poster que apresentámos intitulado Das histórias às palavras, à estética e às artes é o resultado do desenvolvimento de um projecto operacionalizado numa turma do 1.º ano do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Surgiu porque “Há muitos anos, havia um homem que roubava palavras…”. É assim que começa a história O ladrão de palavras de Francisco Duarte Mangas (2006). Esse usurpador “não as roubava todas, porque isso [dava] muito nas vistas. Ele aprisionava as palavras alegres, as mais luminosas, as nossas melhores palavras…”. Por tal, instalou-se uma nuvem de melancolia sobre os transeuntes que habitavam a história, permanecendo, estes, na escuridão como que “engaiolados” sem poderem explicar o mundo. Esta é uma história que se passa numa pequena aldeia… mas o ladrão de palavras luminosas, infelizmente, pode entrar nos mais variados contextos e neles fazer surgir nuvens taciturnas que coíbem as crianças de criarem asas e voarem pelos diferentes mundos dos discursos que decifram os fenómenos e desafiam as novas raízes do entendimento. Não podemos permitir que o tal ladrão entre na nossa sala de aula e iniba a criança de desenvolver os domínios da oralidade, escrita e leitura. No sentido das crianças vencerem esse ladrão de palavras convidaram-se fantoches mágicos, histórias, arte, imagens fantásticas e cartazes de códigos com o intuito de apoiarem e sustentarem diálogos, enriquecerem e alargarem o vocabulário e desenvolverem o poder argumentativo e a complexidade discursiva. Criou-se um clima de liberdade e confiança e deu-se voz às crianças, utilizando-se estratégias pedagógicas que envolveram a descrição de situações vividas e observadas, o planeamento de acções a realizar, o reconto oral de histórias, a prática intencional de jogos lúdicos com palavras e exercícios que visaram a adequação do discurso à situação. A multiplicidade de interpretações obtida através de combinações originais permitiu apelar aos sentidos e expandir o poder da linguagem oral e, consequentemente, as percepções diversificaram-se, ajudando a construir novos e diferentes modos de ver o mundo. O confronto da criança com o saber ouvir e o saber expressar-se permitiu desenvolver o seu nível de compreensão e expressão de ipseidade conduzindo-a pelo mundo da imaginação, ascendendo a um diferente nível de conhecimento e à apreensão das palavras luminosas.
Arbitragem científica: no
URI: http://hdl.handle.net/10198/3838
Appears in Collections:DSPP - Posters em Encontros Científicos Internacionais

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Das histórias às palavras.pdf729,19 kBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia