Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/12642
Título: Adoção da responsabilidade social por parte das micro e pequenas e médias empresas portuguesas: uma análise a entidades dos distritos de Bragança e Vila Real
Autor: Baptista, Hermínio Cândido
Orientador: Monte, Ana Paula
Palavras-chave: Desenvolvimento sustentável
Ética
Norte de Portugal
PME
Responsabilidade social
Data de Defesa: 2015
Resumo: Ao olhar para o mundo numa perspetiva económica não restam dúvidas de que são as empresas que fazem “circular o dinheiro”, fazem com que a economia exista, que no fundo é o que faz com que a população sobreviva e viva. Contudo num olhar mais atento há que perceber que se as empresas têm esta importância e nós seres humanos dependemos da economia para viver não é menos verdade que elas também precisam de nós, seres humanos, para sobreviver. É então neste ponto que percebemos que as empresas têm que ter respeito pelo seu meio envolvente, que têm que ser responsáveis para que a humanidade tenha um futuro saudável e risonho. Falando a este respeito estamos com certeza a falar de Responsabilidade Social. Perante a importância que as empresas têm denota-se uma crescente consciencialização de que estas devem cada vez mais assumir um papel ativo em termos do reforço da cidadania e um equilíbrio entre a dimensão social, sustentabilidade económica e a proteção ambiental numa lógica de promoção de um desenvolvimento sustentado e sustentável. É com esta ideia que surge este tema e sua importância de tal modo que este trabalho baseia-se na perspetiva de entender o que as micro, pequenas e médias empresas do distrito de Vila Real e Bragança fazem em relação a esta temática e principalmente sobre o conceito de Responsabilidade Social sendo a economia portuguesa maioritariamente preenchida por micro, pequenas e médias empresas.
Al mirar el mundo desde una perspectiva económica no hay duda de que se trata de las empresas que conforman el "dinero circular" que la economía no, en el fondo es lo que hace que la población para sobrevivir y vivir. Sin embargo hay una mirada más cercana a darse cuenta de que no, si las empresas tienen esta importancia y que los seres humanos dependen de la economía para vivir es menos cierto que también necesitan de nosotros los seres humanos para sobrevivir. Es entonces en este punto nos dimos cuenta de que las empresas tienen que tener respeto por su entorno, tienen que ser responsables de la humanidad tenga un futuro saludable y feliz. En declaraciones a este respecto que, sin duda estamos hablando de la responsabilidad social. Dada la importancia de que las empresas han denotado una conciencia creciente de que éstos están tomando cada vez más un papel activo en el fortalecimiento de la ciudadanía y un equilibrio entre la sostenibilidad económica social y la protección del medio ambiente en una lógica de promoción de una desarrollo sostenido y sostenible . Es con esta idea que surge este tema y su importancia para que este trabajo se basa en la perspectiva de entender lo que las micro, pequeñas y medianas empresas, en el distrito Vila Real y Bragança son en relación con este tema y sobre todo en el concepto de la responsabilidad social y la comunidad empresarial Portugués, siendo a economía portuguesa en su mayoría micro, pequeñas y medianas empresas.
Looking at the world from an economic point of view there is no doubt that it is the companies that make the “currency movement”, they are responsible for the existence of the economy, deep down is what this is what it takes for the survival and living of the population. However, in a closer look it must be realized that if companies have this importance and we humans depend on the economy to live is no less true that they also need us, humans, to survive. It is then, at this point we realized that companies must have respect for their environment, they must be responsible for humanity to have a healthy and happy future. Thus, we are certainly talking about Social Responsibility. Given the importance that companies have, is denoted a growing awareness that these are increasingly taking an active role in strengthening citizenship and a balance between social, economic sustainability and environmental protection with the aim of promoting a sustained and sustainable development. It is with this idea that comes up this topic and its importance so that this work is based on the perspective to understand what SMEs, in the north of Portugal, do in relation to this subject and especially on the concept of Social Responsibility being the Portuguese business sector mostly Portuguese, reaching the conclusion that SMEs do not shall revise its strategy in a Social Responsibility base.
URI: http://hdl.handle.net/10198/12642
Designação: Mestrado em Contabilidade e Finanças
Aparece nas colecções:CF - Contabilidade e Finanças

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Hermínio Cândido Baptista.pdf1,57 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.