Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior Agrária >
Biologia e Biotecnologia >
BB - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/7393

Título: Arrelvados vivazes da bacia hidrográfica do Rio Paiva (Portugal).
Autor: Monteiro-Henriques, T.
Costa, J.C.
Aguiar, Carlos
Honrado, João José
Bellu, A.
Palavras-chave: Vegetação herbácea vivaz
Fitossociologia
Rio Paiva
Issue Date: 2010
Editora: M.D. Espírito-Santo
Citação: Monteiro-Henriques, T.; Costa, J.C.; Aguiar, C.; Honrado, J.; Bellu, A. (2010) - Arrelvados vivazes da bacia hidrográfica do Rio Paiva (Portugal). In VIII Encontro Internacional da Associação Lusitana de Fitossociologia: “Novas Perspectivas da Fitossociologia”. Lisboa
Resumo: Apresenta-se um estudo sistemático dos arrelvados naturais vivazes da bacia hidrográfica do rio Paiva, em particular das classes: 1) Festucetea indigestae; 2) Stipo giganteae-Agrostietea castellanae; 3) MolinioArrhenatheretea e 4} Nardetea. Com base em inventários realizados desde 2004, bem como em trabalhos publicados onde se estudou o território em causa, reconhecem- se oito associações e uma comunidade enquadráveis nas referidas classes, respectivamente: 1} Polytricho Agrostietum truncatulae, Diantho langeani- Festucetum summilusitanae ass. nova; 2) Armerio beiranae-Arrhenatheretum bufbosi ass. nova, com. de Armeria beirana e Arrhenatherum sardoum; 3) Peucedano lancifofii-Juncetum acutif/ori, Agrostio casteflanae-Arrhenatheretum bulbosi, Anthemido nobilis- Cynosuretum cristatí; 4} Centaurea lusitanoe- Pseudarrhenatheretum longifolii ass. nova, Genisto anglicae- Nardetum strictae. Apresenta-se ainda uma associação vegetal casmofítica original, enquadrável na classe Phagnalo-Rumicetea induratí, encontrada no decorrer do presente trabalho, que aqui se apresenta e descreve dado o seu valor para a conservação da natureza, dominada pelo endemismo do centro de Portuga l continental Anarrhinum /ongipedicellatum (Anarrhinetum longipedicellatí ass. nova). Destaca-se o caso particular do arrelvado Armerio beiranae Arrhenatheretum bulbosi, hoje com grande expressão no território em estudo, ocupando parte considerável das áreas graníticas mesa a supratemperadas, húmidas a hiper húmidas, das serras do Montemuro, Leomil e Lapa.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/7393
Appears in Collections:BB - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI

Files in This Item:

File Description SizeFormat
2010 Monteiro-Henriques et al I.pdf349,33 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE