Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Educação >
Departamento de Educação Musical >
DEM - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/6913

Título: Harmonia, timbre e espaço em Madonna of Winter and Spring de J. Harvey
Autor: Santos, Sandra Cristina da Costa
Orientador: Oliveira, João Pedro
Palavras-chave: Harmonia
Timbre
Intervalos musicais
Teoria da música
Música
Issue Date: 2005
Editora: Universidade de Aveiro
Citação: Santos, Sandra Cristina da Costa (2005) - Harmonia, timbre e espaço em Madonna of Winter and Spring de J. Harvey. Aveiro: Universidade de Aveiro
Resumo: O presente trabalho realiza uma analogia entre a importância de harmonia, timbre e espaço na criação musical, pois são conceitos que se revelam cada vez mais como a base da investigação de futuro no campo da música. Através do conhecimento cimentado nas tendências composicionais de Jonathan Harvey, são comparados os níveis de interpenetração entre estes três parâmetros na obra Madonna of Winter and Spring, estabelecendo relações que se articulam com a espiritualidade reclamada pelo compositor para as suas obras. Assim, a análise musical abrange diferentes formas de consolidar os elementos escritos, nomeadamente no que diz respeito aos materiais que serviram de base a criação. São por isso colocadas em causa várias questões do domínio da estética musical, comparando elementos relacionados com a electrónica e o mundo instrumental, para além de se provar a fusão de diferentes tendências estilisticas na obra do compositor. No entanto, pelo facto de Jonathan Harvey dedicar grande parte da sua obra desde a década de setenta a questões relacionadas com a transcendência, a análise extravaza o domínio científico para entrar no foro do dogmatismo do compositor que se suporta precisamente nos conceitos mais puros da elaboração da sua música. Realiza-se então um enquadramento entre essas questões e a linguagem musical para quem nelas não se revê. Significa isto que Madonna of Wlnter and Spring assenta os prismas colocados em análise sobre um princípio defendida pelo compositor como fundamental: o conceito de Ambiguidade Musical. Assim, após ser exposto e explicado todo o conteúdo abarcado por este tema e nele enquadrado os princípios de análise sobre a harmonia, o timbre e o espaço nesta obra, em comparação com elementos de outras criações. Finalmente são retiradas as conclusões referentes ao nível de inter-relação entre os três pilares da análise para a criação da obra, sendo ainda comparados com as funções a eles atribuídas pelo compositor no domínio do espírito.
URI: http://hdl.handle.net/10198/6913
Appears in Collections:DEM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Sandra Cristina Santos.pdf26,22 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE