Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Tecnologia e Gestão >
Mecânica Aplicada >
DMA - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/6426

Título: A Influência da espessura cortical na avaliação da resistência femoral
Autor: Fonseca, E.M.M.
Barreira, Luísa
Dinis, Jairson C.
Palavras-chave: Biomecânica
Resistência
Rigidez
Elementos Finitos
Issue Date: 2011
Editora: Tipografia Nunes Lda
Citação: Fonseca, E.M.M.; L. Barreira; Dinis, J.C. (2011) - A Influência da espessura cortical na avaliação da resistência femoral. In X Congresso Ibero-Americano em Engenharia Mecânica CIBEM10. Porto.
Resumo: O comportamento biomecânico do osso e a avaliação da sua resistência dependem das características estruturais e geométricas da espessura cortical [1]. De acordo com estudos efectuados, a fractura do colo do fémur pode ocorrer no osso cortical sob efeito de esforços à tracção [2, 3]. Para além disso, a espessura do osso cortical não é uniforme e varia de acordo com a idade do indivíduo. É objectivo deste trabalho verificar a influência da variação da espessura cortical na resistência biomecânica de modelos de diferentes fémures. Recorrendo ao tratamento e estudo de imagens médicas, obtidas por tomografia computorizada, torna-se possível a utilização de técnicas avançadas de engenharia para a medição e a determinação da espessura cortical em diferentes modelos anatómicos. Essa avaliação pode ser efectuada com recurso a programas de tratamento de imagem e a técnicas de processamento para a obtenção de modelos protótipos. Estas duas técnicas permitirão registar valores da espessura cortical em diferentes zonas anatómicas nos modelos em estudo. A avaliação da resistência femoral será efectuada com o recurso à técnica de elementos finitos, onde cada modelo em estudo será analisado para condições de carregamento idênticas. A metodologia proposta neste trabalho permitirá aferir as zonas mais susceptíveis à falha mecânica nos diferentes modelos de fémures, verificando em simultâneo a influência da espessura do osso cortical medida. O estudo proposto incide na análise de quatro imagens médicas de fémures do género feminino com idades próximas (40, 41, 52 e 53 anos).
URI: http://hdl.handle.net/10198/6426
ISBN: 978-989-96276-2-8
Appears in Collections:DMA - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ACI23.pdf2,16 MBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia