Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior Agrária >
Ambiente e Recursos Naturais >
ARN - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/5844

Título: Aplicação da detecção remota em inventário florestal
Autor: Castro, João Paulo
Palavras-chave: Inventário florestal
Detecção remota
Fotografia aérea de pequeno e médio formato
Fotogrametria digital
Processamento digital de imagem
Índice de área foliar
Fotografias hemisféricas
Tabelas de volume aéreas
Issue Date: 2004
Editora: UTAD
Citação: Castro, Joao Paulo (2004) - Aplicação da detecção remota em inventário florestal. Vila Real: UTAD. Tese de Doutoramento em Ciências Florestais
Resumo: Este trabalho é um contributo para melhorar o aproveitamento da tecnologia da Detecção Remota (DR) na gestão de povoamentos florestais de duas das principais espécies florestais de Portugal, Pinus pinaster e Eucaliptus globulus. Desenvolveram-se e aplicaram-se soluções económica e tecnicamente viáveis para o mapeamento destas duas espécies florestais, nomeadamente a tecnologia de fusão digital de imagem entre fotografias pancromáticas e imagens de satélite Landsat ETM+. Realizou-se a cartografia de uso/ocupação de solo à escala 1:10 000 e estimou-se a precisão da interpretação, tendo-se obtido valores de Fiabilidade Global e Índices de Concordância de Cohen (KIA) superiores a 0.85 para todos os estratos considerados em separado e valores superiores a 0.90 de forma global. Desenvolveu-se e aplicou-se uma tecnologia associada à Fotografia Aérea de Pequeno e Médio Formato (FAPMF) para avaliação de características físicas de povoamentos florestais. Obtiveram-se coberturas aerofotográficas estereoscópicas de grande escala (1:5000), a baixo custo e em vários períodos do ano. Estas FAPMF foram utilizadas em inventário florestal para se obterem estimativas rápidas, precisas e expeditas de vários parâmetros dendrométricos (por ex.: altura total, diâmetro de copa, densidade de copa) permitindo preencher lacunas de informação regionais de imagens de DR. Foi medido o índice de área foliar (LAI- do Inglês Leaf Area Index) dos povoamentos florestais, usando métodos de campo não destrutivos e dados de DR. Os valores de LAI calculados foram comparados com os dados dendrométricos recolhidos no campo por processos clássicos de dendrometria e inventário florestal que permitiram confirmar a correlação positiva existente entre a produção de matéria seca (MS) e a quantidade da radiação fotossintética útil (PAR - do Inglês Photosynthetically Active Radiation) interceptada pela copa das árvores. Com base nas medições feitas no campo e sobre imagens de DR foram estabelecidas curvas hipsométricas, tabelas de volume e tabelas de volume aéreas. Construiu-se um Sistema de Informação Geográfica (SIG) associado a uma Base de Dados Relacional que integrou globalmente a informação. Além das espécies florestais eucalipto e Pinheiro bravo também se analisaram as espécies bétula (Betula celtiberica) e pinheiro negral (Pinus nigra). Pela análise dos resultados foi possível verificar as vantagens da integração das várias ferramentas de DR (Imagens de Satélite, fotografia aérea convencional e FAPMF) em Inventário Florestal Regional. Esta tecnologia também demonstrou ser económica, expedita e facilmente reprodutível.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/5844
Appears in Collections:ARN - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TeseDeDoutoramentoJpmc09SETEMBRO2005.pdf18,91 MBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia