Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Educação >
Departamento de Educação Musical >
DEM - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/5320

Título: O ensino da música em regime articulado no conservatório do Vale do Sousa: função vocacional ou genérica?
Autor: Ribeiro, António José Pacheco
Orientador: Vieira, Maria Helena Gonçalves Leal
Palavras-chave: Ensino da música
Regime articulado
Ensino vocacional
Ensino genérico
Issue Date: 2008
Editora: Universidade do Minho, Instituto de Estudos da Criança
Citação: Pacheco, António (2008) - O ensino da música em regime articulado no conservatório do Vale do Sousa: função vocacional ou genérica? Braga: Universidade do Minho, Instituto de Estudos da Criança
Resumo: O ensino da música nas escolas vocacionais tem vivido, desde a sua integração no sistema geral de ensino (Dec-Lei nº 310/83, de 1 de Julho), duma certa ambiguidade que importa esclarecer. O projecto aqui apresentado pretende clarificar e compreender a função actual do ensino da música em regime articulado no Conservatório do Vale do Sousa, com o objectivo de contribuir para a construção de uma escola cada vez mais enraizada, solidificada, capaz de responder positivamente às reais necessidades da sua comunidade social. Contextualizada a escola de música e enquadrada a sua problemática, foram seleccionadas as respectivas amostras: Direcção Administrativa, pessoal docente, alunos, pais e encarregados de educação. Procedeu-se também a uma retrospectiva histórica da temática em estudo. A metodologia utilizada inseriu-se na estratégia de pesquisa de estudo de caso e os instrumentos de recolha de dados seleccionados foram os seguintes: grupo de foco, questionário e análise documental. A análise e interpretação dos dados caracterizou-se por uma leitura descritiva e interpretativa das diversas informações obtidas, respeitando os diferentes métodos de recolha e adoptando por base uma abordagem simultaneamente qualitativa e quantitativa. A interpretação dos dados permitiu a obtenção da síntese e das conclusões. Neste contexto, o Ensino da Música em Regime Articulado no Conservatório do Vale do Sousa insere-se no âmbito do ensino artístico especializado da música e difere do ensino artístico genérico pela sua qualidade. O ensino artístico genérico da música, por sua vez, não responde às necessidades de formação dos dias actuais, justificando totalmente a existência da escola e a respectiva opção pelo regime de ensino articulado, independentemente da área de opção vocacional futura dos alunos. O Projecto Educativo da escola enquadra-se, de facto, nas necessidades da região e o regime articulado é o melhor modelo de frequência, concorrendo para o processo de democratização do ensino da música. Assim sendo, o Conservatório desempenha um papel muito importante no desenvolvimento sócio-cultural da região, através da dupla importância: formação/educação geral, formação especializada. Relativamente à função desempenhada, constata-se que o ensino da música em regime articulado cumpre várias funções: a função genérica (maioritariamente), a função vocacional (apenas para alguns alunos), e a até a função recreativa. Não obstante estas funções coabitarem, a dupla função vocacional/genérica assume um protagonismo evidente.
Descrição: Mestrado em Estudos da Criança Especialização em Educação Musical - Instituto de Estudos da Criança da Universidade do Minho.
URI: http://hdl.handle.net/10198/5320
Appears in Collections:DEM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Tese de António Ribeiro.pdf1,27 MBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia