Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Tecnologia e Gestão >
Teses de Mestrado >
EQ - Engenharia Química >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/2000

Título: Produção de biodiesel por via catalítica e indução de microondas
Autor: Oliveira, Pedro Tiago de Jesus
Orientador: Dall'Oglio, Evandro Luiz
Gomes, Helder
Palavras-chave: Biodiesel
Catálise
Microondas e Purificação
Catalysis
Microwave and Purification
Issue Date: 2008
Editora: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Tecnologia e de Gestão
Citação: Oliveira, Pedro Tiago de Jesus - Produção de biodiesel por via catalítica e indução de microondas. Bragança, ESTIG: 2008. Dissertação de Mestrado em Engenharia Química
Resumo: Este trabalho realizou-se no âmbito protocolar entre a U.F.M.T. e o I.P.B., tendo-se estudado a viabilidade da produção de biodiesel de óleo de fritura por acção de microondas, processos de purificação desse biodiesel com diatomita, sílica e carvão activado para obtenção da cor e acidez imposta pelas normas internacionais, e a produção de biodiesel por catálise heterogénea. Na produção de biodiesel de óleo de fritura com microondas obteve-se uma conversão perto dos 91% com um tempo reaccional de irradiação de 390 segundos, tendo sido a sua conversão determinada por espectroscopia RMN 1H. Nos testes de purificação determinou-se que a sílica é uma boa solução para a remoção de compostos ácidos em relação à diatomita, devido ao seu tempo de escoamento. O carvão activo é também uma boa solução para o clareamento do biodiesel, no entanto apresenta alguns problemas se for adicionado na sílica ou se não tiver um bom sistema de separação do biodiesel filtrado. A sílica para além de ser utilizada para a remoção de compostos ácidos do biodiesel, pode também ser utilizada para concentrar ácidos gordos de modo a serem esterificados em biodiesel. Os testes com catalisadores heterogéneos visaram a utilização de catalisadores que ainda não tivessem sido estudados na produção de biodiesel com indução de microondas, tendo-se determinado que K2CO3/Al2O3 é melhor que o CaO, uma vez que apresentou uma conversão de 98% e baixa quantidade de sabão em relação ao CaO. This work was made under the protocol between U.F.M.T. and I.P.B., it was studied the viability of producing biodiesel from frying oil with microwaves induction, then it was studied the processes of purification that biodiesel with diatomite, silica and activated carbon to obtain the color and acidity imposed by international standards laws, finally it was study the production of biodiesel by heterogeneous catalysis. The biodiesel produced with frying oil with microwave induction obtained a conversion close to 91% with a reaction time of irradiation of 390 seconds, determined by 1H NMR spectroscopy. In the tests of purification with silica, diatomite and coal, it was determined that the silica is a good solution for the removal of acidic components in relation to diatomite, due to their disposal time, and the activated carbon is a good solution for the clearance of biodiesel, however presents some problems if you add in silica, or else have a good system of separation of biodiesel filtered. The silica used to remove acidic components of biodiesel can be also used to concentrate fatty acids in order to send them to the production of biodiesel. The tests with heterogeneous catalysts concerned the use of catalytic which had not been used in the production of biodiesel with the induction of microwave and it was determined that K2CO3/Al2O3 is better than the CaO for the production of biodiesel with the induction of microwave, because it had a conversion of 98% and low amount of soap in relation to the CaO.
URI: http://hdl.handle.net/10198/2000
Appears in Collections:EQ - Engenharia Química

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Pedro_Oliveira_MEQ_2008.pdf947,23 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE