Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/17342
Título: Produção de forragem no período de Inverno em sistemas hidropónicos simplificados: uma primeira aproximação
Autor: Silva, Herbert
Aguiar, Carlos
Pires, Jaime
Palavras-chave: Forragens hidropónicas
Alimentação animal
Data: 2015
Editora: Instituto Politécnico de Bragança
Citação: Silva, Herbert; Aguiar, Carlos; Pires, Jaime (2015) - Produção de forragem no período de Inverno em sistemas hidropónicos simplificados: uma primeira aproximação. In XXXVI Reunião de Primavera da SPPF: livro de resumos. Bragança: Instituto Politécnico. ISBN 978-972-745-185-2
Resumo: A pecuária extensiva enfrenta, em Portugal, dois períodos de penúria alimentar: o pleno Inverno e o Verão. A produção de forragem em hidroponia é uma alternativa interessante aos fenos e outras forragens conservadas (FAO, 2001). O cultivo de forragem hidropónica é recomendado para regiões secas (pelo seu baixo consumo em água), e para regiões muito frias ou de solos de inférteis. Nos meses de Janeiro a Março de 2015, num período de 40 dias, realizou-se uma primeira experiência de cultivo de forragens em hidroponia e em estufa. Testaram- -se, numa experiência fatorial, com 3 repetições, 3 espécies forrageiras (cultivares regionais de aveia, trigo e cevada) e três níveis de fertilização (testemunha, NPK + micronutrientes e NPK). Cada unidade experimental era constituída por um tabuleiro de 0,24 m2, com 360g de palha seca ao ar (com cerca de 3 cm de altura), semeado com 1,5 kg de semente m-². A palha foi mantida húmida com duas soluções nutritivas de referência: • NPK+Micro (mg L-1): N=190,6; P=34,0; K=233,3; Ca=17,1; Mg=8,5; + S=0,068; B=0,085; Zn=0,021; Mo=0,021; Fe=0,085; Cu= 0,045. • NPK(mg L-1): N=190,6; P=34,0; K=233,3; Ca=73,24. A biomassa total (biomassa verde mais grão e palha) foi avaliada por destruição total aos 19, 26, 33 e 40 dias após a sementeira. Não foram obtidas diferenças significativas entre os diversos tratamentos em todas as datas de quantificação da biomassa. Aparentemente, a escassez de nutrientes é sensível aos 40 dias. O valor máximo de biomassa total obtido foi de 2,5 kg de MS/m-2. A vantagem maior deste sistema está na qualidade nutritiva da forragem, um tema ainda em estudo.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/17342
ISBN: 978-972-745-185-2
978-972-745-184-5
Aparece nas colecções:CIMO - Resumos em Proceedings Não Indexados à WoS/Scopus

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Cultivos hidropónicos.pdf157,64 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.