Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Série Estudos >
Série Estudos >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/7718

Título: 31 - O subsistema pecuário de bovinicultura na área do Parque Natural de Montesinho
Autor: Pires, Jaime
Moreira, Nuno
Issue Date: 1998
Editora: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior Agrária
Citação: Pires, Jaime; Pinto, Moreira, Nuno (1994) - O subsistema pecuário de bovinicultura na área do Parque Natural de Montesinho. Bragança: ESA. (Série Estudos; 31). ISBN 972-745-027-X
Relatório da Série N.º: Séro Estudos;31
Resumo: Este trabalho tem como objectivo o estudo e a descrição do sistema de agricultura da Zona Agrária da Terra Fria, com particular destaque para a agricultura praticada na área do Parque Natural de Montesinho, abordando em especial o subsistema da bovinicultura. Faz-se uma caracterização climática e pedológica desta zona de montanha, referindo a principal vegetação arbustiva e arbórea. A caracterização da agricultura é feita com base em dados do INE (1979), relativamente à estrutura fundiária, ocupação cultural, formas de exploração, mão-de-obra e efectivos pecuários. Trata-se de empresas de pequenas dimensões , cuja superfície média é de 7,8 ha, com 16,5 parcelas·exploração·1 e 0,47 ha·parcela·1 , exploradas por conta própria, com recurso a reduzida mão-de-obra permanente e assalariada, dedicadas sobretudo à cerealicultura e à produção pecuária. Os lameiros ocupam a segunda maior percentagem da superfície de terra limpa, a seguir aos cereais, associando-se- lhe os bovinos, mais homogeneamente distribuídos pelas explorações do que os pequenos ruminantes, independentemente da sua dimensão. Contudo, as maiores contribuições para o Produto Agrícola Bruto (PAB) são da batata c leguminosas, da viticultura e da castanha, culturas às quais é dedicada menor superfície do que aos cereais. A produção pecuária, embora apresente menores contribuições para o PAB, é no entanto um elos sectores produtivos mais importantes e mais rentável. Dada a diversificação cultural praticada( cerealicultura, bovinicultura, viticultura, exploração de pequenos ruminantes, castanha, batata e floresta), as relações entre os vários sectores produtivos c a capacidade empresarial do agricultor, a agricultura praticada enquadra-se perfeitamente num sistema de agricultura de subsistência. Na parte Norte desta Zona Agrária, correspondente à área do Parque Natural de Montesinho, o sistema de agricultura não é diferente do praticado no seu conjunto, havendo unicamente diferenças em relação à representatividade relativa dos vários sectores produtivos. Assim, verifica-se nesta subárea a dominância da pecuária, nomeadamente da bovinicultura, e ainda do centeio, da batata e da castanha, acrescentando-se a produção de alguma noz, vinho e madeira. Procede-se à descrição do sistema de agricultura praticado, referindo as técnicas culturais executadas para cada cultura, as formas de exploração pecuária, c as relações entre os vários sectores produtivos. Mais pormenorizadamente apresenta-se o subsistema da bovinicultura e identificam- se as variáveis de estado base para o seu funcionamento, os bovinos , os lameiros e as forragens anuais. Faz-se uma caracterização dos lameiros existentes nesta zona agrária cm termos fitossociológicos , de regime de exploração, disponibilidade de água, localização c técnicas culturais praticadas. Atendendo à importância da tracção animal fornecida por estes efectivos, principalmente até aos anos 50/60, e dado que a mecanização foi , até ao momento, a principal alteração introduzida no sistema de agricultura, apresenta-se em diagramas de !luxo simplificados e completos o subsistema da bovinicultura nos anos 50/60 e actual (anos 80). Apenas são consideradas as trocas deste subsistema com o exterior e as verificadas com os restantes sectores de produção, bem como as relações entre estes sectores produtivos.
URI: http://hdl.handle.net/10198/7718
ISBN: 972-745-027-X
Appears in Collections:Série Estudos

Files in This Item:

File Description SizeFormat
o-subsist-pecuario.pdf18,39 MBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia