Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior Agrária >
Ambiente e Recursos Naturais >
ARN - Capítulos em Livros >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/6410

Título: Dinâmica e serviços da paisagem no Nordeste de Portugal
Autor: Azevedo, João
Castro, João Paulo
Pinheiro, Helena
Moreira, César
Magalhães, Simone
Loureiro, Carlos
Fernandes, Paulo M.
Palavras-chave: Serviços de ecossistem
Serviços de paisagem
Fogo
Ecologia da paisagem
Issue Date: 2011
Editora: Universidade Federal de Viçosa, Brasil
Citação: Azevedo, João; Castro, João Paulo; Pinheiro, Helena; Moreira, César; Magalhães, Simone; Loureiro, Carlos; Fernandes, Paulo M. (2011) - Dinâmica e serviços da paisagem no Nordeste de Portugal. In Neto, J.A.F; Enlof, C.J.; Gonçalves, R.L. (Org.) Desenvolvimento Rural, Sustentabilidade e Ordenamento Territorial. Viçosa: Universidade Federal de Viçosa. p. 158-174. ISBN 978-85-60249-99-2
Resumo: Neste trabalho são abordados os serviços de ecossistema relevantes à escala da paisagem num contexto de transformação do território. O principal objetivo é avaliar os efeitos potenciais das alterações da paisagem no serviço de regulação de perturbações (fogo) proporcionado pelos sistemas ecológicos na região do Nordeste de Portugal (Trás-os-Montes). Discute-se o conceito de serviço de ecossistema explorando os aspetos que mais contribuíram para a popularização desta abordagem e para a sua aplicação em políticas e práticas de gestão e conservação de ecossistemas e paisagens. São destacados os serviços cujo enquadramento é exclusivo ou apenas integralmente abordável à escala da paisagem, aqui designados por serviços de paisagem, nomeadamente os serviços de regulação do fogo. Descrevem-se os processos de alteração da paisagem em curso na região do Nordeste de Portugal com base nos casos das freguesias de França e Deilão onde nos últimos 50 anos se verificou uma redução acentuada da área agrícola e uma expansão das áreas florestais, embora com efeitos opostos na estrutura dessas paisagens. Analisa-se, neste contexto, a forma como estas alterações afetam a regulação do fogo com base em resultados de trabalhos de modelação e simulação do comportamento do fogo conduzidos nas mesmas freguesias. Verificou-se que a paisagem tende a acumular e a aumentar a continuidade espacial de combustível ao longo do tempo o que é correspondido pelo aumento do risco de incêndio na paisagem, favorecendo a ocorrência de fogos de maior intensidade em áreas mais extensas. No final, discute-se o papel da gestão em paisagens culturais em rápida transformação e no fornecimento de serviços, nomeadamente de paisagem.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/6410
ISSN: 978-85-60249-99-2
Appears in Collections:ARN - Capítulos em Livros

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Reprograf11111815180.pdf4,9 MBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia