Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior Agrária >
Ambiente e Recursos Naturais >
ARN - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/3800

Título: Análise e modelação da variabilidade espacial de parâmetros do solo à escala da parcela com base em métodos geoestatísticos
Autor: Castro, João Paulo
Fonseca, Felícia
Pinto, M. Alice
Santos, Sónia A.P.
Amaral, Alexandra
Azevedo, João
Palavras-chave: Análise espacial
Geostatística
Culturas de curta rotação
Produção de biomassa para energia
Issue Date: 2009
Editora: SPCS
Citação: Castro, J.P., F. Fonseca, M.A. Pinto, S. Santos, A. Amaral & J.C. Azevedo. 2009. Análise e modelação da variabilidade espacial de parâmetros do solo à escala da parcela com base em métodos geoestatísticos. Encontro Anual da Sociedade Portuguesa da Ciência do Solo (SPCS), 8-10 Julho, Faro. P. 27.
Resumo: O desenvolvimento e implementação de sistemas de agricultura e silvicultura de precisão dependem consideravelmente do conhecimento da heterogeneidade espacial do solo a escalas muito detalhadas. Neste trabalho analisou-se a dependência espacial de parâmetros do solo com base em métodos geoestatísticos com o objectivo de descrever, modelar e representar a sua continuidade espacial numa parcela de 4ha dedicada à produção de biomassa lenhosa para fins energéticos. Recolheu-se um total de 105 amostras de solo, na profundidade 0-10 cm, distribuídas por 14 transectos. Após secagem a 45ºC e crivagem (crivo de malha de 2 mm), as amostras foram analisadas para os teores de C e N e valor de pH. O teor de humidade foi determinado pelo método gravimétrico. Com base em variografia foi analisada a distribuição espacial das variáveis carbono, azoto, humidade (%) e pH do solo. Os semi-variogramas omnidirecionais indicam a existência de dependência espacial mais forte nos casos das distribuições de carbono e azoto. Para as mesmas variáveis, semi-variogramas direccionais indicam a existência de dependência espacial mais marcada na direcção NE-SO. A humidade, no entanto, apresenta dependência espacial apenas na direcção N-S e o pH apenas na direcção NE-SO. Aplicando o método de interpolação espacial de krigagem simples com base em modelos esféricos obtiveram-se superfícies de distribuição de carbono, azoto, humidade e pH para a área de estudo. Este trabalho permitiu detectar padrões de heterogeneidade espacial para parâmetros do solo. Permitiu ainda a descrição da sua distribuição em toda a parcela de estudo. Estes resultados constituem uma base de informação fundamental à gestão futura do ensaio.
Arbitragem científica: no
URI: http://hdl.handle.net/10198/3800
Appears in Collections:ARN - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Castro et al. (2009)ResumoFaro .pdf389,09 kBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia