Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Educação >
EduSer - Revista de Educação >
EduSer - vol. 2, nº 1 >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/3446

Título: Liderança e supervisão na escola actual
Outros títulos: Leadership: supervision and shared learning in today’s school
Autor: Prates, Maria Lidia
Aranha, Ágata
Loureiro, Armando
Palavras-chave: Liderança
Colaboração
Reflexão
Escola que aprende
Reforma educativa
Issue Date: 2010
Editora: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Educação
Citação: Prates, Maria Lídia; Aranha, Ágata; Loureiro, Armando (2010) - Liderança e supervisão na escola actual. EduSer: revista de educação. ISSN 1645-4774. 2:1, p. 20-36
Resumo: O principal objectivo deste artigo é compreender até que ponto a liderança de uma escola pode ser feita por uma só pessoa ou por um grupo de pessoas; como se desenvolve a supervisão e como se pode levar a escola a ser um organismo vivo, que aprenda no seu todo e que sobreviva à sociedade actual, em plena mudança social e educativa. A responsabilidade da construção da escola deve ser colectiva e não individual; a colaboração deve supor a criação conjunta da visão do director, dos professores, do pessoal de apoio, dos pais e alunos, que devem participar na ideia da missão e dos objectivos da escola. A tarefa fundamental dos líderes consiste em potenciar sentimentos positivos nas pessoas que são lideradas, que ocorre quando o líder cria ressonância, aumentando a intensidade dos sentimentos positivos em seu redor. Os líderes concretizam visões, porque criam motivação, orientam, inspiram, ouvem e convencem. The main purpose of this article is to understand the extent to which school leadership can be undertaken by just one person or by a group of people; how supervision develops and how it can lead the school to become a living organism, learning as a whole and surviving the social and educational changes of our society. The responsibility of school organization should be collective and not individual. Collaboration should assume the creation of a director’s, teachers’, staff, parents and students’ vision, who should participate in the mission’s concept and school objectives. The leader’s fundamental task is to enhance positive feelings in those who are lead, which happens when the leader creates resonance, increasing the intensity of positive feelings around him. Leaders materialize visions, because they create motivation, guide, inspire, listen and persuade.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/3446
ISSN: 1645-4774
Appears in Collections:EduSer - vol. 2, nº 1

Files in This Item:

File Description SizeFormat
41-134-1-PB.pdf209,55 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE