Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/9440
Título: Enfermeiro de família, um especialista de e com futuro? sim (...)! porque (...)!
Autor: Brás, Manuel
Brás, Maria de Fátima Morais
Moura, Sandra Cristina Mendo
Palavras-chave: Enfermeiro de família
Saúde familiar
Família
Cuidados de saúde primários
Data: 2013
Editora: Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Bragança
Citação: Brás, Manuel; Brás, Maria de Fátima Morais; Moura, Sandra Cristina Mendo (2013) - Enfermeiro de família, um especialista de e com futuro? sim (...)! porque (...)!.In Jornadas de Enfermagem da Escola Superior de Saúde, Instituto Politécnico de Bragança. p. 240-245. ISBN 978-972-745-159-3
Resumo: As mudanças sociais e culturais, políticas e demográficas, que a sociedade atual experiencia,sugerem que o modelo de organização de cuidados de saúde deixe de se centrar na doença para se focalizar nas necessidades reais de saúde da população, sendo o contexto familiar o que se adivinha como o mais privilegiado para se avaliar as respostas humanas aos processos de transição e de doença, pois, a família, sob o ponto de vista sociológico, constitui-se como a primeira unidade de cuidados de saúde. A enfermagem, enquanto profissão indissociável eintrinsecamente ligada ao cuidar, nasceu como que integrada no seio da família, sendo, esta alvo dos cuidados e um recurso para os mesmos. A prática da enfermagem constitui a essência fundamental dos Cuidados de Saúde Primários (CSP). Pela formação, experiência e os ambientes onde trabalhamos fazem com que assim seja. Os enfermeiros prestam cuidados onde quer que as pessoas se encontrem e a casa (leia-se família) é hoje pedra angular no âmbito da saúde familiar (ICN, 2003; Hanson, 2004). Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), os enfermeiros de família podem ajudar indivíduos e famílias a lidar com a doença e incapacidade crónica, ou períodos de stress e maior vulnerabilidade, dedicando grande parte do seu tempo ao acompanhamento de indivíduos e suas famílias “saúde familiar” em contexto domiciliário (WHO, 2000). Neste contexto, enfatizamos o enfermeiro de família como o profissional que, integrado no seio da equipa de saúde, presta cuidados especializados em saúde familiar, globais e longitudinais(em todos os ciclos de vida) a todos os elementos da família,constituindo-se desta forma como um gestor e organizador que gere e organiza o processo de saúde de cada individuo inserido na família, garantindo por esta via uma maior acessibilidade aos cuidados de saúde.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/9440
ISBN: 978-972-745-159-3
Versão do Editor: www.essa.ipb.pt
Aparece nas colecções:CE - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
E-Book 240-245.pdf192,59 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.