Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior Agrária >
Ciências Sociais e Exactas >
CSE - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/935

Título: Natureza inclusiva e abrangente da Educação Ambiental
Autor: Matos, Alda
Palavras-chave: Educação
Ambiente
Multidisciplinaridade
Transversalidade
Issue Date: 2007
Citação: Congresso Internacional de Saúde, Cultura e Sociedade. III. Bragança, 2007
Resumo: A relação do Homem e da Natureza nasce com o próprio Homem. Deste relacionamento foi consequência lógica a progressiva descoberta dos recursos naturais e do seu aproveitamento para benefício imediato, situação que se manteve inalterada durante milhares de anos. A natureza, dominante, superava largamente os efeitos que o ser humano era capaz de exercer sobre ela. Contudo, esse equilíbrio natural modificou-se. Da deficiente e desmesurada utilização dos recursos naturais estão a resultar desequilíbrios que se revelarão desastrosos, no curto prazo. Ao destruir os solos, as florestas, os animais e as paisagens, ao urbanizar desordenadamente, ao poluir as terras, as águas e a atmosfera, ao provocar fumos e ruídos insuportáveis, originam-se rupturas de difícil restabelecimento. Hoje, o ser humano começa a ter consciência de que a destruição do meio é a sua própria destruição. A Medicina do Ambiente estuda os efeitos e riscos provocados, em geral, por agentes exteriores sobre a saúde do ser humano numa abordagem multidisciplinar, cuja abrangência vai desde o plano natural ao sociológico. Investiga, questiona e equaciona acções preventivas para melhorar o ambiente, reduzindo assim os riscos para a saúde. O analfabetismo funcional, tecnológico e ambiental é o mais difícil de ser erradicado e atinge pessoas com vários níveis de escolaridade. A escassez de temas relacionados com a compreensão do funcionamento do meio promove o desenvolvimento de uma visão fragmentada e incompleta da natureza. Sem o conhecimento da real dimensão dos processos geológicos, do carácter natural das mudanças globais e seus aspectos históricos, das suas correlações com a vida e sua evolução, não poderão ser formados cidadãos conscientes e sensíveis aos problemas ambientais. Neste contexto, é fundamental o reconhecimento da escala de intensificação dos processos naturais que a actividade antrópica provoca. Só proporcionando o desenvolvimento de uma visão sistémica do planeta, em que participa a Biosfera em processos interdependentes, se poderão formar cidadãos responsáveis pelo uso e ocupação do meio natural. Assim, a presente pesquisa, sustentada numa breve revisão bibliográfica, pretende oferecer uma abordagem sistémica, integradora e transdisciplinar da Educação Ambiental, numa perspectiva multifacetada, focada na sua natureza inclusiva e abrangente.
URI: http://hdl.handle.net/10198/935
Appears in Collections:CSE - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Natureza Inclusiva e Abrangente da Educação Ambiental.pdf316,21 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE