Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Educação >
Departamento de Ciências do Desporto e Educação Física >
DCDEF - Artigos em Revistas Não Indexados ao ISI/Scopus >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/6961

Título: Validação de equações preditivas da área de secção transversa do tronco
Autor: Morais, J.E.
Costa, M.J.
Mejias, J.E.
Marinho, D.A.
Silva, A.J.
Barbosa, Tiago M.
Palavras-chave: Atleta
Estudos de validação
Natação
Superfície corporal
Issue Date: 2011
Editora: Universidade Federal de Santa Catarina
Citação: Morais, J.E.; Costa, M.J.; Meijas, J.E.; Marinho, D.A.; Silva, A.J.; Barbosa, Tiago M. (2011) - Validação de equações preditivas da área de secção transversa do tronco. Revista Brasileira de Cinenatropometria e Desempenho Humano. ISSN 1980-0037. 13:6, p. 461-467
Resumo: O objectivo do estudo foi desenvolver e validar equações preditivas da área de secção transversa do tronco humano, Os modelos foram desenvolvidos para o sexo masculino e de acordo com o nível competitivo, A amostra foi composta por 152 sujeitos, todos praticantes de Natação Pura desportiva, com idades entre os 10 e os 32 anos de idade. Para o desenvolvimento dos modelos foi utilizado um grupo de sujeitos para estimar a equação e um outro para validar. Foram avaliadas as seguintes características antropométricas: (i) massa corporal; (ii) estatura; (iii) diâmetro bi-acromial; (iv) diâmetro tóraco-sagital; (v) perímetro peitoral e (vi) área de secção transversal do tronco. Os modelos preditivos foram desenvolvidos através de análise de regressão linear múltipla passo-a-passo e num dos casos, com recurso ao nível competitivo enquanto variável dummy. Todos os modelos desenvolvidos incluíram como variáveis independentes o diâmetro tóraco-sagital e o perímetro peitoral (0,32 ≤ R2 ≤ 0,48; P < 0,01). No processo de validação entre as áreas de secção transversal do tronco medida e estimada, não se verificaram diferenças significativas entre valores médios (P > 0,05), as regressões lineares simples foram moderadas (0,23 ≤ R2 ≤ 0,39; 0,01 ≤ P ≤ 0,001) e o critério de Bland Altman foi em todos os casos cumprido. Pode concluir-se que os modelos desenvolvidos para nadadores masculinos, e de acordo com o nível competitivo, predizem com validade a área de secção transversa do tronco de nadadores.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/6961
ISSN: 1980-0037
Appears in Collections:DCDEF - Artigos em Revistas Não Indexados ao ISI/Scopus

Files in This Item:

File Description SizeFormat
RBCDH.pdf300,84 kBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia