Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/5126
Título: Actividade antioxidante de azeitonas verdes descaroçadas produzidas em Trás-os-Montes: estudo do efeito da cultivar.
Autor: Malheiro, Ricardo
Sousa, A.
Casal, Susana
Bento, Albino
Pereira, J.A.
Data: 2009
Editora: V Simpósio Nacional de Olivicultura
Citação: Malheiro, R.; Sousa, A.; Casal, S.; Bento, A.; Pereira, J.A. (2009) - Actividade antioxidante de azeitonas verdes descaroçadas produzidas em Trás-os-Montes: estudo do efeito da cultivar. In V Simpósio Nacional de Olivicultura. Santarém
Resumo: A azeitona de mesa e parte integrante da dieta Mediterrânica, sendo considerada uma fonte importante de antioxidantes. Em Trás-os-Montes, no inicio do Outono, são processadas de forma artesanal um tipo de azeitona de mesa denominada "alcaparras". Para 0 seu processamento, os frutos são colhidos verdes, partidos, retirado o caroço e introduzidos em agua, mudada diariamente, durante aproximadamente uma semana ate que possam ser consumidos. De uma maneira geral, o factor cultivar não e tido em conta no processamento, apesar de apresentarem composição química e propriedades tecnológicas distintas. Assim, com o presente trabalho pretendeu-se estudar 0 efeito da cultivar na actividade antioxidante das "alcaparras". Neste sentido, foram processados lotes de azeitonas verdes descaroçadas monovarietais, à escala laboratorial das cultivares Cobrançosa, Madura!, Negrinha de Freixo, Santulhana e Verdeal Transmontana.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/5126
Aparece nas colecções:PTV - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
CN - 75.pdf537,07 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.