Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Saúde >
Departamento de Ciências de Enfermagem >
CE - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/5037

Título: Capacidade funcional em idosos com osteoartrite
Autor: Preto, Leonel
Novo, André
Mendes, Eugénia
Palavras-chave: Osteoartrite
Função
Idosos
Issue Date: 2011
Editora: Departamento Desporto. Escola Superior de Educação IPB
Citação: Preto, Leonel; Novo, André; Mendes, Eugénia (2011) - Capacidade funcional em idosos com osteoartrite. In III Seminário Contributos para a Saúde na População Sénior. + Idade, + Saúde. Bragança
Resumo: A osteoartrite (OA) é um processo evolutivo que afecta as articulações responsáveis pelo movimento corporal apresentando taxas de prevalência mais elevadas a partir da quarta década de vida. Atingi principalmente as articulações dos joelhos, da anca e dos dedos, mas poderá ocorrer em todas as articulações que permitem mobilidade, designadamente as da coluna vertebral. É uma das patologias mais comuns, particularmente na população idosa, já que do ponto de vista histológico o processo degenerativo altera a cartilagem articular que perde elasticidade natural após anos de desgaste intenso. A doença tem uma maior prevalência e incidência no sexo feminino a partir da menopausa, onde a severidade, sobretudo na artrose do joelho, é também maior. Realizámos um estudo descritivo transversal, cujo objectivo consistiu em avaliar o impacto da OA na capacidade funcional de idosos institucionalizados portadores da patologia. Como instrumentos utilizámos um questionário sócio-demografico e clínico, e a Escala de Avaliação Funcional de Lysholm. Relativamente às variáveis clínicas, e em concreto para o IMC, contactou-se que a população inquirida se encontrava maioritariamente com excesso de peso. Com efeito, apresentavam situação de pré-obesidade 46,7% dos utentes, e obesidade 21,7%. No que diz respeito à situação de saúde, 80% dos idosos sofrem de patologias associadas ao processo artrósico. No que concerne à prática de exercício físico apenas 33.3% mencionou fazê-lo. Concluímos que a maioria dos participantes apresentou um nível de capacidade razoável na realização das actividades de vida de área (AVDs) avaliadas, mas relativamente à funcionalidade do joelho alterações importantes foram observadas.
Arbitragem científica: no
URI: http://hdl.handle.net/10198/5037
Versão do Editor: http://www.vgportal.ipb.pt/idadesaude/2011/index.html
Appears in Collections:CE - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Resumo_OA.pdf8,65 kBAdobe PDFView/Open

Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE