Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/4676
Título: Interacção entre duas espécies exóticas de lagostins (pacifastacus leniusculus e procambarus clarkii): estudo experimental com recurso à PIT-telemetria
Autor: Teixeira, Amílcar
Costa, A.M.
Bernardo, J.M.
Bruxelas, S.
Nogueira, Mónica Sofia Reis
Palavras-chave: PIT-telemetria
Interacção
Movimento
Procambarus clarkii
Pacifastacus leniusculus
Data: 2010
Editora: Universidade dos Açores
Citação: Teixeira, A.; Costa, A.M.; Bernardo, J.M.; Bruxelas, S.: Nogueira, M. (2010) - Interacção entre duas espécies exóticas de lagostins (pacifastacus leniusculus e procambarus clarkii): estudo experimental com recurso à PIT-telemetria. In XV Congresso da Associação Ibérica de Limnologia. Ponta Delgada
Resumo: No rio Maçãs (bacia do Rio Douro), no Nordeste de Portugal, coexistem duas espécies de lagostins exóticos, o lagostim vermelho da Louisiana (Procambarus clarkii) e o lagostim sinal (Pacifastacus leniusculus). Para estudar o movimento e padrão de actividade de ambas as espécies foi desenvolvida uma experiência num espaço confinado (300 x 100 cm) e aplicada a técnica da PIT-telemetria (Passive Integrated Technology, UKID Systems, U.K.), com recurso a um MPD (Data-logger) e oito antenas circulares de detecção de transmissores (PIT-tags). Seleccionou-se um local de alimentação e alguns refúgios capazes de fornecer isolamento visual entre lagostins. Foram implantados PIT-tags, com identificação individual, em 5 machos e 5 fêmeas de cada espécie e monitorizado o seu comportamento de forma contínua (dia e noite) ao longo de 15 dias, durante o período estival de dois anos consecutivos. Obtiveram-se cerca de 30 000 dados, diferenciados em termos de frequência de dados repetidos (registos contínuos na mesma antena) e não repetidos por cada animal. A análise dos dados sugere um comportamento diferenciado entre espécies e sexos com dominância do lagostim vermelho relativamente ao lagostim sinal e dos machos sobre as fêmeas. As interacções entre espécies podem estar na origem do afastamento e menor actividade de P. leniusculus dos locais mais próximos da área de alimentação. Por outro lado, as fêmeas de ambas as espécies demonstraram ser menos activas do que os machos.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/4676
Aparece nas colecções:ARN - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Teixeira et al. 2010 Oral PIT Telemetria lagostins Congresso Açores.pdf10,77 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.