Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Tecnologia e Gestão >
Mecânica Aplicada >
DMA - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/4249

Título: Comportamento sísmico da igreja do Mosteiro dos Jerónimos
Autor: Roque, João C. Almendra
Oliveira, Daniel V.
Lourenço, Paulo B.
Palavras-chave: Construções históricas
Vulnerabilidade e risco sísmica
Avaliação da segurança
Issue Date: 2010
Editora: Carlos Sousa Oliveira; Aníbal Costa; Humberto Varum
Citação: Roque, João C. Almendra; Oliveira, Daniel V.; Lourenço, Paulo B. (2010) - Comportamento sísmico da igreja do Mosteiro dos Jerónimos. In 8º Congresso de Sismologia e Engenharia Sísmica. Aveiro. ISBN 978-989-95695-4-6.
Resumo: Para avaliar o comportamento sísmico da Igreja do Mosteiro dos Jerónimos tendo em vista o diagnóstico das suas capacidades e vulnerabilidades estruturais bem como a avaliação da segurança sísmica para cenários de diferente perigosidade, foram realizadas um conjunto de análises numéricas estáticas e dinâmicas, admitindo comportamento não linear material e geométrico, cujos resultados se apresentam. A investigação numérica é antecedida pela caracterização (quantitativa e qualitativa) da construção e pela caracterização da acção sísmica com base em estudos de casualidade e em modelos sismológicos. A realização das análises dinâmicas não lineares, no domínio do tempo, é efectuada para acções sísmicas correspondentes a cenários com 475, 975 e 5000 anos de período de retorno e visa caracterizar o desempenho sísmico da Igreja, nomeadamente das potenciais vulnerabilidades identificadas. Para ao efeito, realiza-se previamente, um conjunto de análises estáticas, lineares e não lineares, e análises dinâmicas modais. As análises dinâmicas modais e as análises estáticas, sob a acção das cargas verticais permanentes, são utilizadas para a calibração/validação do modelo numérico. As análises estáticas lineares equivalentes à acção sísmica são utilizadas para uma estimativa prévia da exigência sísmica (incluindo a localização potencial das incidências não lineares) e das vulnerabilidades virtuais associadas. As análises estáticas não lineares (do tipo “pushover”) são utilizadas para estimar a capacidade da construção sob acções horizontais e para identificar os potenciais mecanismos de colapso. De acordo com os resultados das análises dinâmicas realizadas, para os cenários sísmicos com 475 e 975 anos de período de retorno, a Igreja ficará sob importantes estados de tensão e de fendilhação não sendo expectável a sua ruína parcial ou global. Para os cenários de perigosidade sísmica mais severos, correspondentes a 5000 anos de período de retorno, identificou-se uma potencial incidência de danos nos pilares da nave da Igreja cuja ruína conduz ao colapso da abóbada da nave.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/4249
ISBN: 978-989-95695-4-6
Appears in Collections:DMA - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI

Files in This Item:

File Description SizeFormat
SISMICA 2010_Artigo 1_Roque, Oliveira e Lourenço_revisto.pdf20,72 kBAdobe PDFView/Open

Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE