Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior Agrária >
Produção e Tecnologia Vegetal >
PTV - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/3900

Título: Efeitos de diferentes solventes e tempos na extracção de compostos antioxidantes presentes em avelãs (Corylus avellana L.)
Autor: Delgado, Teresa
Oliveira, Ivo
Pereira, J.A.
Ramalhosa, Elsa
Palavras-chave: Avelãs
Método de extracção
Fenóis totais
Actividade antioxidante
Issue Date: 2009
Editora: Sociedade Portuguesa de Química e Centro de Investigação e Tecnologia Agrária dos Açores (CITAA)
Citação: Delgado, Teresa; Oliveira, Ivo; Pereira, José Alberto; Ramalhosa, Elsa (2009) - Efeitos de diferentes solventes e tempos na extracção de compostos antioxidantes presentes em avelãs (Corylus avellana L.). In 9º Encontro Química dos Alimentos. Angra do Heroísmo
Resumo: Neste trabalho pretendeu-se estudar o efeito das condições experimentais sobre a extracção de fenóis totais presentes no miolo de avelã e na actividade antioxidante, de forma a avaliar o potencial destes frutos secos como fonte natural de antioxidantes. Foram testados três solventes (água em ebulição, metanol e acetona à temperatura ambiente) e vários tempos de contacto. Para cada situação, determinaram-se o rendimento de extracção, o teor em fenóis totais e o potencial antioxidante, avaliado pelo efeito bloqueador dos radicais livres de DPPH (2,2-difenil-1-picrilhidrazilo). Os maiores rendimentos de extracção foram obtidos para os extractos de acetona, aumentando com o tempo de contacto. Em relação aos fenóis totais, estes foram quantificados no miolo de avelã em todos os ensaios realizados, demonstrando a existência desses compostos no fruto. As maiores concentrações de fenóis totais foram obtidas com a extracção com água em ebulição (44,3+7,7 mg equivalentes de ácido gálico/g extracto) e acetona (80%) durante 24 H (36,2+8,8 mg equivalentes de ácido gálico/gextracto). Em relação à actividade antioxidante, os extractos mais eficientes (com menores valores de EC50), foram os de acetona, variando entre 1,12 e 1,53 mg/ml.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/3900
Appears in Collections:PTV - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Acta Congresso Açores (Avelãs).pdf1,35 MBAdobe PDFView/Open

Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE