Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior Agrária >
Produção e Tecnologia Vegetal >
PTV - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/3841

Título: Úlceras do pé diabético: importância da caracterização da multiresistência a antibióticos em isolados bacterianos
Autor: Martins, C.
Saavedra, M.J.
Gaspar, J.
Carvalho, E.
Carvalho, C.
Fernandes, Conceição
Issue Date: 2009
Citação: Martins, C.; Saavedra, M.J.; Gaspar, J.; Carvalho, E.; Carvalho, C.; Fernandes, Conceição (2009) - Úlceras do pé diabético: importância da caracterização da multiresistência a antibióticos em isolados bacterianos. In 3ªs Jornadas de Biologia da UTAD – Evolução. Vila Real
Resumo: A diabetes melfitus é uma doença metabólica crónica que resulta numa deficiente capacidade de utilização da glicose. A infecção do pé diabético é uma complicação grave que, quando não controlada, pode levar à amputação, ocasionando incapacidade temporal ou definitiva. O tratamento do pé diabético passa pela antibioterapia agressiva, considerando a profundidade das lesões ulceradas. Neste estudo, foi efectuada uma análise bacteriológica a 21 doentes com úlceras activas do pé diabético, com o objectivo de caracterizar o perfil de resistência a antibióticos. De acordo com a metodologia implementada no CHTMAD, no isolamento usaram-se meios selectivos e diferenciais. Na identificação e estudo do perfil de susceptibilidade, utilizou-se um sistema automático (Dade Behring). Posteriormente, no Laboratório de Microbiologia - Departamento de Ciências Veterinárias da UTAD foi determinado, pelo método de difusão em disco em agar Muelter-Hinton o perfil de susceptibilidade aos agentes antibacterianos: J3-lactâmicos, aminoglicosideos, quinolonas, tetraciclinas, fenicóis, macrotídos, sulfamidas e tosfomicina. Foram testados em bactérias de Gram negativo da família Enterobactereaceae e não Enterobactereaceae segundo os procedimentos do CLSI (2007). Na correlação dos resultados do estudo ao perfil de susceptibilidade, determinado pelo sistema automático e pelo método de Kirby-Bauer, observaram-se discrepâncias no fenótipo, nomeadamente para amoxicilina/ácido clavulânico, imipenemo e amicacina.
URI: http://hdl.handle.net/10198/3841
Appears in Collections:PTV - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI

Files in This Item:

File Description SizeFormat
13 Abstract Jornadas UTAD_09.pdf769,93 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE