Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Saúde >
Departamento de Ciências da Vida e Saúde Pública >
CVSP - Capítulos em Livros >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/3410

Título: Auto-estima e sintomatologia depressiva nos estudantes do ensino superior
Autor: Rainho, Conceição
Barroso, Isabel
Monteiro, Maria João
Martins, Matilde
Correia, Teresa
Palavras-chave: Sintomatologia depressiva
Auto-estima
Estudantes
Issue Date: 2010
Editora: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Centro de Investigação em Desporto, Saúde e Desenvolvimento Humano
Citação: Rainho, C.; Barroso, I.; Monteiro, Mª J.;Martins, M. & Correia, T. (2010) - Auto-estima e sintomatologia depressiva em estudantes do ensino superior. In Lopes, Vitor P. [et al.] Promoção da saúde e actividade física: contributos para o desenvolvimento humano. Vila Real: UTAD, Centro de Investigação em Desporto, Saúde e Desenvolvimento Humano. p. 229-236. ISBN 978-972-669-969-9
Resumo: Avaliar a auto-estima dos estudantes do Ensino Superior Politécnico e identificar sintomatologia depressiva foram os objectivos deste estudo. Participaram 60 estudantes a frequentar o ensino superior na região interior Norte do País, dos quais 48 (80%) eram do sexo feminino. O questionário era constituído por três partes: informações sóciodemográficas, a Rosenberg Self-Esteem Scale (RSES) e a escala do Center for Epidemiologic Studies Depression (CES-D). Na análise dos dados foi utilizado o (SPSS®) versão 16.0, e o estudo das características psicométricas das referidas escalas revelou uma consistência interna elevada e uma estrutura factorial, que explicava 59% e 70% da variância total, respectivamente da RSES e da CES-D. Dos participantes, 58,3% afirmou não praticar qualquer actividade física/desporto; 21,7% apresentava sobrepeso/obesidade e 3,4% apresentava magreza. Relataram ter consumido nos últimos 30 dias bebidas alcoólicas e tabaco, respectivamente 76,7% e 28,3% dos estudantes. Destes, 41,7% apresentavam valores de sintomatologia depressiva iguais ou superiores a 16, indicando os valores mais altos a ocorrência de um maior número de sintomas. No sexo feminino, a sintomatologia depressiva era significativamente mais elevada (t= 2,145 p<0,05). A prevalência de sintomatologia depressiva era elevada, com níveis significativamente superiores nas estudantes.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/3410
Appears in Collections:CVSP - Capítulos em Livros

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Lopes,+Rodrigues,+Coelho,+Monteiro(2010)_Promoção+da+Saúde+e+Actividade+Física_CIDESD[1].pdf9,08 MBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia