Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior Agrária >
Produção e Tecnologia Vegetal >
PTV - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/3142

Título: Efeito da manutenção do solo no estado nutritivo das árvores, crescimento e produtividade em olivais de sequeiro
Autor: Rodrigues, M.A.
Lopes, João
Pavão, Francisco
Cabanas, J.E.
Arrobas, Margarida
Palavras-chave: Manutenção do solo
Estado nutritivo das árvores
Perímetro do tronco
Volume da canópia
Produção de azeitona
Issue Date: 2009
Editora: Associação Portuguesa de Horticultura
Citação: Rodrigues, Manuel; Lopes, João; Pavão, Francisco; Cabanas, José; Arrobas, Margarida (2009) - Efeito da manutenção do solo no estado nutritivo das árvores, crescimento e produtividade em olivais de sequeiro. In V Simpósio Nacional de Olivicultura. Santarém
Resumo: A gestão da superfície do solo em arboricultura tem sido muito estudada nas últimas décadas. Contudo, poucos estudos incluíram a análise de plantas no auxílio da interpretação dos resultados, em particular em olival de sequeiro. As experiências de campo referidas neste trabalho decorreram durante oito anos consecutivos em Trás-os-Montes em dois olivais que foram seleccionados tendo por base a sua contrastante situação de manutenção do solo antes do início da experiência. Um olival situado em Bragança, anteriormente gerido como pastagem de ovinos, recebeu os tratamentos: Pastoreio (Past), em que a gestão da vegetação foi mantida exclusivamente com um rebanho; Mobilização (Mob), que consistiu em duas escarificações anuais na Primavera; Glifosato (Gil), em que o herbicida foi aplicado um vez por ano em Abril. O segundo olival, em Mirandela, anteriormente gerido com mobilizações, recebeu os seguintes tratamentos: Mobilização (Mob); e Glifosato (Gli), tal como descritos para Bragança; e Herbicida residual (Hres), em que um herbicida com componente residual (diurão + glifosato + terbutilazina) foi aplicado no fim do Inverno. O tratamento Gli originou maiores produções em ambos os olivais e, no ensaio de Mirandela, onde se mediu o aumento do perímetro do tronco e o volume da canópia originou também os melhores resultados. Os resultados mais fracos foram obtidos em Past e Mob nos ensaios de Bragança e Mirandela, respectivamente. A concentração de azoto e boro nas folhas foi superior nas modalidades mais produtivas. No olival de Mirandela, em que os teores foliares de potássio permaneceram mais baixos durante a experiencia, a concentração do elemento seguiu o padrão descrito para N e B. Os resultados desta experiência mostraram uma forte relação entre o estado nutritivo das árvores e a produtividade. As modalidades de manutenção do solo que promoveram a absorção de nutrientes originaram as maiores produções
Arbitragem científica: no
URI: http://hdl.handle.net/10198/3142
Appears in Collections:PTV - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Manutenção.Nutrição.pdf650,53 kBAdobe PDFView/Open

Please give feedback about this item
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


© Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia