Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Tecnologia e Gestão >
Gestão Industrial >
DGI - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/2822

Título: Avaliação de desempenho no sector do retalho
Autor: Vaz, Clara B.
Camanho, Ana
Palavras-chave: Data envelopment analysis
Retalho
Issue Date: 2004
Editora: APDIO
Citação: Vaz, Clara B.; Camanho, Ana (2004) - Avaliação de desempenho no sector do retalho. In 11º Congresso da Associaçcão Portuguesa de Investigação Operacional (APDIO). Porto: APDIO
Resumo: O objectivo deste estudo é avaliar a eficiência das lojas de uma empresa de retalho de base alimentar, recorrendo à técnica de Data Envelopment Analysis. A eficiência é avaliada ao nível operacional e ao nível comercial, numa perspectiva de maximização de outputs. Os modelos foram definidos tendo em conta as características gerais do negócio de retalho, assim como a forma de funcionamento específica da empresa utilizada como caso de estudo. O modelo de eficiência operacional analisa a capacidade de cada loja em gerar vendas com o mínimo de recursos (i.e., área, stock, custos das vendas, encargos gerais e encargos com pessoal) tendo em conta a envolvente da loja (i.e., concorrência e população). A eficiência comercial da loja é avaliada através da comparação entre as secções semelhantes das diversas lojas da empresa (i.e., secção de produtos alimentares, perecíveis, bazar ligeiro, bazar pesado, têxteis). A política comercial de cada secção é definida centralmente (i.e. negociação de preços com os fornecedores e escolha das referências disponíveis em cada loja). O modelo da eficiência comercial reflecte a adequação das políticas comerciais à actividade da loja e à envolvente em que se insere. Para além da avaliação de eficiência, os modelos identificam o tipo de rendimentos à escala e dimensão óptima das lojas. Como a empresa surge no mercado com lojas de insígnias diferentes, avalia-se também o impacto da insígnia na actividade operacional e comercial das lojas. Para assegurar que os modelos definidos reflectem adequadamente a percepção dos gestores da empresa envolvidos no projecto de avaliação de eficiência das lojas, os modelos de DEA foram refinados com a restrição da gama de pesos atribuíveis a cada variável.
URI: http://hdl.handle.net/10198/2822
Appears in Collections:DGI - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI

Files in This Item:

File Description SizeFormat
IO 2004-Porto-FEUP-abstract.pdf176,25 kBAdobe PDFView/Open

Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE