Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/2705
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorRibeiro, Maria Isabel-
dc.contributor.authorBento, António-
dc.date.accessioned2010-10-28T13:43:07Z-
dc.date.available2010-10-28T13:43:07Z-
dc.date.issued2010-
dc.identifier.citationRibeiro, M. e Bento, A. (2010). O director de escola, a política organizacional escolar, a mercantilização da educação e as explicações: um estudo de caso na Madeira. VI Simpósio sobre Organização e Gestão Escolar. A emergência do director da escola: questões políticas e organizacionais. Universidade de Aveiro.por
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10198/2705-
dc.description.abstractAs políticas organizacionais da escola relacionadas com a prática social e educacional - explicações - podem contrariar a ideia fatalista da incapacidade da escola pública poder proporcionar sucesso educativo aos seus alunos. O Director de escola pode definir e implementar políticas de escola de forma a prestar apoios educativos aos alunos que necessitem e demonstrem interesse em beneficiar da disponibilidade e competências dos professores durante o tempo escolar diário. Este estudo de investigação pretende descrever e analisar a situação que concerne ao mercado paralelo da educação de uma das maiores escolas da Região Autónoma da Madeira inquirindo 413 alunos do 12º ano e entrevistando o seu Director escolar. Resultados preliminares deste estudo indicam que, durante o ensino secundário, um número significativo de estudantes frequentou explicações sobretudo nos dois últimos anos, 44% e 41,9% respectivamente. A Matemática foi a disciplina que fez com que a maioria dos estudantes procurasse este mercado paralelo (87,7%); do total, 68,4% investiram 4 a 6 horas do seu tempo em explicações, chegando a gastar cerca de 70 euros por mês. Por sua vez, o Director escolar indicou que a escola como organização tem de estar atenta a este tipo de alternância educativa, sobretudo nesta fase gerencialista da escola, podendo-se adoptar uma política organizacional adequada de forma a recuperar o estatuto de qualidade educativa que a escola pública outrora teve.por
dc.language.isoporpor
dc.publisherUniversidade de Aveiropor
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectMadeirapor
dc.subjectPolítica organizacional escolarpor
dc.subjectExplicaçõespor
dc.subjectDirectorespor
dc.titleO director de escola, a política organizacional escolar, a mercantilização da educação e as explicações: um estudo de caso na Madeirapor
dc.typeconferenceObjectpor
degois.publication.locationAveiropor
degois.publication.titleVI Simpósio sobre Organização e Gestão Escolar. A emergência do director da escola: questões políticas e organizacionaispor
Aparece nas colecções:CIMO - Artigos em Proceedings Não Indexados à WoS/Scopus

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
director aveiro.pdf282,99 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.