Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/18421
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorSadio, Alexandre-
dc.contributor.authorSilva, Divan-
dc.contributor.authorFerreira, Ana-
dc.contributor.authorRocha, Elvira-
dc.contributor.authorMatos, Sara-
dc.contributor.authorVentura, Serafim-
dc.contributor.authorMagalhães, Pedro M.-
dc.contributor.authorMonteiro, A.M.-
dc.date.accessioned2019-01-11T12:05:36Z-
dc.date.available2019-01-11T12:05:36Z-
dc.date.issued2009-
dc.identifier.citationSadio, Alexandre; Silva, Divan; Ferreira, Ana; Rocha, Elvira; Matos, Sara; Ventura, Serafim; Magalhães, Pedro M.; Monteiro, A.M. (2009). Nutrição no envelhecimento. In I Seminário + Idade + Saúde: Exercício e Saúde na População Sénior. Bragançapt_PT
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10198/18421-
dc.description.abstractA distribuição etária da população mundial tem-se alterado profundamente nas últimas décadas, em razão da expansão da expectativa de vida e do consequente aumento do número de idosos. O envelhecimento, apesar de ser um processo natural, submete o organismo a diversas alterações biológicas, anatómicas e funcionais, com repercussões nas condições de saúde e nutrição do idoso. A nutrição quando feita de uma forma adequada e equilibrada, juntamente com um estilo de vida activa, afecta de forma positiva o organismo humano, prevenindo para o aparecimento de doenças (arteriosclerose, hipertensão, osteoporose, obesidade, doença cardiovascular e diabetes tipo 2) que ocorrem com mais prevalência nas pessoas idosas. O presente trabalho tem por objectivo elucidar as pessoas sobre os factores que afectam a alteração da nutrição nos idosos e os objectivos alimentares na nutrição do idoso. Portanto, existe uma preocupação com a não deterioração do estado nutricional do indivíduo. Conclusões: Um grande desafio que a sociedade enfrenta actualmente é saber como manter a saúde e a qualidade de vida numa população em processo de envelhecimento. A prevenção das doenças comuns durante o envelhecimento pode aumentar a longevidade. Pode-se concluir que uma boa alimentação, acompanhada de um programa regular de exercício físico, poderá trazer efeitos benéficos na saúde da população idosa. Deve-se ter em atenção todas as mudanças fisiológicas naturais do envelhecimento, da análise dos factores psicossociais e económicos que interferem no consumo alimentar e, sobretudo, na necessidade de nutrientes.pt_PT
dc.language.isoporpt_PT
dc.publisherInstituto Politécnico de Bragançapt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/pt_PT
dc.subjectIdosopt_PT
dc.titleNutrição no envelhecimentopt_PT
dc.typeconferenceObjectpt_PT
dc.description.versioninfo:eu-repo/semantics/publishedVersionpt_PT
dc.peerreviewedyespt_PT
degois.publication.locationBragançapt_PT
degois.publication.titleI Seminário + Idade + Saúde: Exercício e Saúde na População Séniorpt_PT
Aparece nas colecções:ESE - Posters em Encontros Científicos Nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
2009 Nutrição no envelhecimento.pdf7,94 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.