Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/14473
Título: Estado nutricional e características sociodemográficas em idosos residentes na comunidade
Autor: Pereira, Ana Maria Geraldes Rodrigues
Parente, Alexandra Mariza de Egas Geraldes
Mata, Maria Augusta
Palavras-chave: Idosos
Estado nutricional
Mini nutritional assessment
Data: 2017
Editora: Associação Portuguesa de Nutrição
Citação: Pereira, Ana Maria Geraldes Rodrigues; Parente, Alexandra Mariza de Egas Geraldes; Mata, Maria Augusta (2017) - Estado nutricional e características sociodemográficas em idosos residentes na comunidade. Acta Portuguesa de Nutrição. Porto. ISSN 2183-5985. p. 51-51
Resumo: Um bom estado nutricional dos indivíduos idosos é o fator chave para um envelhecimento saudável exigindo a implementação de ações multidisciplinares e transversais à dinâmica sociodemográfica. Avaliar o estado nutricional segundo as carateristicas sociodemográficas dos idosos inscritos no Centro de Saúde Santa Maria de Bragança. METODOLOGIA: Estudo observacional, analítico, transversal. A amostra é composta por 385 idosos, com distribuição proporcional à representação por sexo e faixa etária da população. Para a colheita de dados utilizou-se um formulário com carateristicas sociodemográflcas e o Mini Nutritional Assessment (MNA). RESULTADOS: Através do instrumento MNA, classificam-se 3 (0, 8%) idosos em estado desnutrido (uma mulher e dois homens) e 93 (24, 16%) em risco de desnutrição (55 mulheres e 38 homens). O estado nutricional do idoso está significativamente associado com o estado civil (p<0,001), as habilitações literárias (p=0, 002), a coabitação (p<0,001) e a perceção de solidão (p<0, 001). Aqueles que apresentam maiores probabilidades de estado nutricional normal são os idosos casados ou que vivem em união de facto (OR=2,925) e que possuem habilitações literárias (OR=2,287). O facto de o idoso viver sozinho (OR=4,777), coabitar com o cônjuge (OR=8,350) ou com familiares (OR=3, 456), potencia significativamente a possibilidade de estado nutricional normal face aos idosos que vivam noutra situação. CONCLUSÕES: Os resultados obtidos evidenciam a importância da avaliação do estado/ risco nutricional dos idosos, na prevenção e controle da malnutrição. É necessário o delineamento de estratégias e a implementação de procedimentos que permitam o seu diagnóstico, promovendo-se a adoção de comportamentos saudáveis, de forma a preservar a integração deste grupo na sociedade, sem descurar a identificação e rastreamento das alterações sociodemográficas.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/14473
ISSN: 2183-5985
Aparece nas colecções:DTDT - Resumos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Estado nutricional e características sociodemográficas em idosos residentes na comunidade.pdf301,08 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.