Biblioteca Digital do Instituto Politécnico de Bragança   Instituto Politécnico de Bragança

Biblioteca Digital do IPB >
Escola Superior de Tecnologia e Gestão >
Tecnologia Química e Biológica >
DTQB - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10198/1330

Título: O tratamento dos resíduos sólidos urbanos em Tóquio: a incineradora de Toshima
Autor: Lima, R.
Gomes, Helder
Rangel, Nelson
Itano, Kiyoshi
Palavras-chave: Gestão de RSUs
Incineração
Combustão em leito fluidizado
Recuperação de energia
Incineradora de Toshima
Issue Date: 2003
Citação: Lima, R.; Gomes, Helder; Rangel, Nelson; Itano, Kiyoshi (2003) - O tratamento dos resíduos sólidos urbanos em Tóquio: a incineradora de Toshima. In 3as Jornadas Politécnicas de Engenharia. Coimbra.
Resumo: Em países como o Japão, a Suíça, a Holanda e a Bélgica, a incineração com recuperação de energia constitui uma opção fundamental na gestão dos resíduos sólidos urbanos (RSUs) devido essencialmente à elevada densidade populacional e à limitação de espaço apropriado para a construção de aterros sanitários. Assim, estes países apesar de terem uma política bastante forte na reciclagem dos RSUs, reconhecem que a Incineração com recuperação de energia é uma das opções mais viáveis na gestão do grande volume de resíduos gerados pelas grandes metrópoles, como é o caso de Tóquio. O objectivo principal deste artigo é fazer uma breve descrição da gestão dos RSUs da cidade de Tóquio assim como investigar e analisar a incineradora de Toshima, a primeira Incineradora do município de Tóquio a utilizar a combustão em leito fluidizado para Incinerar RStJ5. A incineradora de Toshinla, situada na cidade de Tóquio, é um exemplo típico da política implementada pelas autarquias Japonesas. De facto, apesar desta incineradora utilizar uma tecnologia com benefícios mais que comprovados no que respeita ao elevado rendimento térmico na combustão dos RSIJs, a razão principal para a construção desta incineradora deveu-se essencialmente às pequenas dimensões da câmara de combustão de leito fluidizado quando comparadas com a câmara de combustão para a queima tradicional dos RSUs em fornalha.
URI: http://hdl.handle.net/10198/1330
Appears in Collections:DTQB - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI

Files in This Item:

File Description SizeFormat
3JPE-Coimbra-2003.pdf4,05 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 


  © Instituto Politécnico de Bragança - Biblioteca Digital - Feedback - Statistics
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE