Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/12730
Título: Comportamento do osso cortical submetido a processos de furação
Autor: Lúcio, Hugo Alexandre Simão
Orientador: Fonseca, E.M.M.
Palavras-chave: Temperatura
Deformações
Termografia
Extensómetros
Termopares
Elementos finitos
Data de Defesa: 2015
Resumo: O principal objetivo deste estudo é avaliar o desenvolvimento da necrose térmica e/ou desgaste ósseo durante um processo de furação em materiais compósitos com estrutura similar ao tecido ósseo cortical. As fases de trabalho contemplam a leitura do campo de temperaturas nos modelos biomecânicos através de um processo de furação, o campo de deformações através da utilização da extensometria, leitura da temperatura gerada na broca após o processo de furação através de imagens termográficas e análise térmica e mecânica a partir de um modelo de elementos finitos. Foram tomadas considerações sobre a escolha dos biomateriais, dimensões do modelo e do processo de furação tendo em conta diversas variáveis, como a velocidade, diâmetro e comprimento da broca. Com este trabalho, utilizando um procedimento experimental e numérico, pretende-se verificar a interação entre a alteração da velocidade de avanço com a mesma velocidade de rotação e diâmetro de broca, no aumento da temperatura e de deformações no tecido cortical em estudo. Os métodos experimentais utilizados em laboratório são baseados nas técnicas de termografia, extensometria e aplicação de termopares durante a furação dos materiais compósitos. Numericamente, são utilizados modelos teóricos, mecânico e térmico, com o recurso à técnica de elementos finitos, para a discussão de resultados. Após a elaboração do presente trabalho conclui-se que a temperatura na broca é superior para uma menor velocidade de avanço. O aumento da velocidade de avanço provoca um decréscimo da temperatura, ou seja, as temperaturas no material são mais elevadas para uma velocidade de avanço inferior. Verificou-se ainda que as temperaturas nos termopares a uma mesma distância da furação são inferiores às temperaturas registadas em distâncias diferentes. Com a diminuição da temperatura as tensões também diminuem, isto é, para uma velocidade de avanço superior as tensões à superfície do material e próximas da furação são inferiores.
The primary main objective of this study is to assess the development of thermal necrosis and / or bone wear during a drilling process in composite materials with similar structure to the cortical bone. The working steps include the reading of the temperature field in the biomechanical models through a drilling process, the strain field by using strain gages, temperature reading generated in the drill after drilling the process through and thermographic images collected by thermal analysis and a mechanical analysis using from a finite element model. Considerations have been taken on the choice of biomaterials, model dimensions, and drilling process taking into account several variables such as speed, diameter and length of the drill. This work intends to verify, experimental and numerically, the interaction between the same feed rate and different rotational speeds, with the same cut drill, in the tissue temperature and strain field formation. To this end, composite materials are used with similar characteristics to the cortical bone, with equal densities. The experimental methods used in the laboratory are based on thermography techniques, thermocouples and strain gages used during the drilling of different composite materials. Numerically, theoretical models are used with the finite element technique for the discussion of results. After the preparation of this work is concluded that the temperature in the drill is higher to a lower feed rate. The increase in feed rate causes a decrease in the temperature, i.e., temperatures of the material are higher to a lower feed rate. The temperatures in the thermocouples at the same distance from the hole are lower than the temperatures recorded at different distances. It was found that with decreasing temperature, the stress also decreases, i. e., to a higher feed rate, the surface and the hole surrounding have lower stresses.
URI: http://hdl.handle.net/10198/12730
Designação: Mestrado em Tecnologia Biomédica
Aparece nas colecções:TB - Tecnologia Biomédica

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Hugo Alexandre Simão Lúcio.pdf3,61 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.