Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10198/11748
Título: Soluções bioclimáticas da arquitetura vernacular na região transfronteiriça entre Bragança e Castela-Leão
Autor: Ferreira, Débora
Fernandes, Sílvia
Luso, Eduarda
Vaz, António Jorge Ferreira
Palavras-chave: Arquitetura bioclimática
Bioconstrução
Soluções passivas
Construção sustentável
Data: 2015
Editora: Universidade do Minho
Citação: Ferreira, Débora; Fernandes, Sílvia; Luso, Eduarda; Vaz, António Jorge Ferreira (2015) - Soluções bioclimáticas da arquitetura vernacular na região transfronteiriça entre Bragança e Castela-Leão. In Seminário reVer - Contributos da arquitetura vernácula portuguesa para a sustentabilidade do ambiente construído. Porto
Resumo: A arquitetura tradicional constitui-se como elemento definidor da identidade de uma região, devendo ser preservada e mantida a sua essência nas ações de conservação e recuperação. Deste modo, devem procurar-se as melhores soluções e propostas de intervenção sem que isso signifique voltar costas à inovação e ao progresso construtivo. A construção soube, ao longo dos anos, adaptar-se ao meio ambiente e aos recursos disponíveis, o que fez com que exista uma grande diversidade de soluções bioconstrutivas, constituindo um património tradicional bioclimático muito vasto. No âmbito da cooperação transfronteiriça Norte de Portugal – Castela e Leão, foi aprovado o projeto BIOURB – Diversidade Construtiva Transfronteiriça, Edificação Bioclimática e sua adaptação à Arquitetura e Urbanismo Moderno, que teve como objetivos, entre outros, a identificação e o estudo das soluções bioclimáticas mais representativas da arquitetura vernacular da região transfronteiriça. O conhecimento das várias soluções bioclimáticas contribui certamente para o desenvolvimento de um modelo de construção bioclimática, ambiental e economicamente sustentável, valorizando a herança cultural e patrimonial da arquitectura vernacular. A recuperação do património histórico de uma forma sustentável constitui, sem dúvida, um motor de desenvolvimento para os meios urbanos bem como para os pequenos núcleos rurais existentes nas suas periferias.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10198/11748
ISBN: 978-989-20-5615-9
Aparece nas colecções:DCCP - Artigos em Proceedings Não Indexados ao ISI/Scopus

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
artigo Seminario reVer mar15_repositorio.pdf2,04 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.